INSULINA

Penso inteligente administra insulina de forma automática

Um penso “inteligente” para administração de insulina poderá, no futuro, monitorizar e controlar os níveis de glicose em pessoas com diabetes e fornecer a dosagem necessária de insulina conforme a aplicação for necessária.

Penso inteligente administra insulina de forma automática

O penso, do tamanho de um selo postal, é simples de fabricar e foi projetado para ser descartável, sendo usado por 24 horas.

“O nosso principal objetivo é melhorar a saúde e a qualidade de vida das pessoas com diabetes. Este penso inteligente elimina a necessidade de verificar constantemente o açúcar no sangue e injetar insulina se e quando necessário. Imita a função reguladora do pâncreas, mas de uma maneira fácil de usar”, explica Zhen Gu, da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, que desenvolveu o dispositivo juntamente com colegas do MIT e da Universidade da Carolina do Norte.

O penso monitoriza o açúcar no sangue e possui doses de insulina pré-carregadas em microagulhas muito pequenas, com menos de um milímetro de comprimento, que administram o medicamento rapidamente quando os níveis de açúcar no sangue atingem um certo limiar. Quando o açúcar no sangue volta ao normal, a libertação de insulina do penso também diminui.

Os cientistas afirmam que a vantagem é que o penso pode ajudar a prevenir a superdosagem de insulina, o que pode levar à hipoglicemia, convulsões, coma ou até morte.

A equipa realizou testes iniciais bem-sucedidos em ratinhos e já pediu uma aprovação da FDA, entidade que regula os medicamentos e produtos de saúde nos Estados Unidos, para realizar os primeiros ensaios clínicos em humanos.

“Este penso inteligente de insulina, se comprovadamente for seguro e eficaz nos testes em humanos, revolucionaria a experiência do paciente no tratamento da diabetes”, disse o professor John Buse, membro da equipa.


OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS