CARDIOLOGIA

Estudo revela associação entre gota e doenças cardíacas

Ter um tipo de artrite chamada gota pode piorar os problemas relacionados com o coração para pessoas em tratamento para uma doença coronária, de acordo com um novo estudo.

Estudo revela associação entre gota e doenças cardíacas

O estudo, publicado no Journal of the American Heart Association, procurou esclarecer investigações já realizadas sobre a ligação entre doença cardiovascular e a gota, uma doença que ocorre em pessoas com altos níveis de ácido úrico no sangue.

Apenas nos Estados Unidos, a gota afeta cerca de seis milhões de homens e dois milhões de mulheres, ou cerca de quatro por cento da população, de acordo com a Fundação da Artrite.

A acumulação de ácido úrico pode causar dor, sensibilidade, vermelhidão, calor e inchaço, muitas vezes no dedo maior do pé. Mas também está associado a um risco maior de doença renal, diabetes, cancro e apneia do sono.

Cientistas da Universidade de Duke, nos Estados Unidos, estudaram dados de mais de 17 mil pacientes, incluindo 1 406 que estavam, no início da pesquisa, a ser tratados por fatores de risco cardiovascular.

Após os pacientes serem acompanhados por uma média de 6,4 anos, constatou-se que, "apesar da terapia médica agressiva", a gota estava ligada a piores desfechos e morte.

"Entre os pacientes que tiveram a gota no início do estudo ou que a desenvolveram durante o seguimento, o risco tanto de morrer por doença cardiovascular ou ter um ataque cardíaco (enfarte) ou acidente vascular cerebral foi 15 por cento maior em pacientes com gota do que em pacientes que nunca desenvolveram a doença”, disseram os autores.

Pacientes que apresentavam gota em qualquer momento durante o estudo tiveram um aumento do risco de insuficiência cardíaca.

Embora não esteja claro por que a gota pode aumentar o risco de doença cardiovascular, os possíveis motivos incluem aumento do stress oxidativo e inflamação.

Fonte: Boa Saúde

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS