ÁCIDO HIALURÓNICO, FONTE DE JUVENTUDE

ÁCIDO HIALURÓNICO, FONTE DE JUVENTUDE

BELEZA E BEM-ESTAR

  Tupam Editores

0

O ácido hialurónico é uma molécula que está presente em todas as células do nosso organismo, encontrando-se principalmente na pele e sendo caraterizado principalmente pela sua capacidade de atrair e manter água à sua volta, propriedade essa que permite dar à pele maior vigor, firmeza e uma textura homogénea.

Quando jovem, a nossa pele é carateristicamente lisa e elástica porque contém uma grande quantidade de ácido hialurónico, substância que preenche os espaços entre as células. Porém, com o avanço da idade, a produção dessa molécula pelo organismo começa a decair devido à ausência de hidratação e começam a surgir os primeiros sinais de envelhecimento, como rugas e ressecamento da pele.

Mulher

Presente no organismo de todos os animais vivos, essa substância é responsável pelo volume da pele, lubrificação das articulações e forma dos olhos, por exemplo. Como processo terapêutico, pode ser obtido a partir de animais ou da fermentação de bactérias, método que traz grandes vantagens pois permite a sua produção em escala industrial.

Algumas formulações sintéticas do ácido hialurónico são hoje utilizadas em Medicina Física e de Reabilitação (MFR), Odontologia e Medicina Estética.

Na reabilitação, a substância é usada essencialmente no tratamento da artrose; em odontologia os tratamentos centram-se principalmente nas áreas que interferem com a saúde bucal, como cavidade bucal, dentes, face e pescoço; em estética, o principal objetivo é preencher o espaço provocado pelas rugas ou sulcos, ou simplesmente dar mais volume em áreas específicas, através da injeção na camada média ou profunda da pele.

Como em geral os primeiros sinais de envelhecimento surgem antes dos trinta anos de idade, o segredo para manter uma pele firme e flexível é iniciar o tratamento com o ácido hialurónico ainda durante esta fase, pois quanto mais danificada ficar a pele e mais profundas estiverem as rugas e outros sinais, pior será o resultado obtido por meio dos tratamentos estéticos.

Quando nos olhamos ao espelho e nos apercebemos das primeiras marcas de envelhecimento, uma pequena ruga ou uma linha de expressão mais acentuada, é chegada a altura de pensarmos em repor os níveis de ácido hialurónico a fim de ganharmos uma dose extra de juventude, que devolva à pele a elasticidade, vigor e firmeza de antes, tão breve quanto possível.

De entre outras alternativas existentes para situações similares, a aplicação do ácido hialurónico apresenta mais vantagens pois já existe no organismo e por isso acaba por nele se integrar mais facilmente e proporcionar resultados mais naturais e sem efeitos adversos, embora seja necessário monitorizar a aplicação de tempos a tempos.

O ácido hialurónico pode ser usado de diversas formas. No preenchimento, por via injetável, é mais indicado para a região da face, onde se formam rugas mais profundas e linhas à volta da boca, variando a dosagem em função do efeito desejado e previamente acordado com o médico prescritor.

Para melhorar a textura e a hidratação da pele, particularmente em mulheres ainda no estágio inicial do envelhecimento, com rugas leves, é também indicada a via injetável, mas sem a função preenchedora, o que proporciona uma melhoria na aparência, solução que pode também ser aplicada às mãos, colo e pescoço.

Mulher a por creme

Métodos mais avançados que não a aplicação direta da molécula nas rugas e linhas de expressão, são atualmente usados principalmente na cirurgia plástica para garantir melhores resultados estéticos, usando MD Codes™. Trata-se de uma tecnologia que mapeia os pontos do rosto e identifica com precisão onde devem ser feitos os procedimentos estruturais, harmonizando a face como um todo e não tratar apenas alguns pontos específicos.

O ácido hialurónico é uma fonte de vida e pode ser encontrado nos alimentos! Como vimos, é produzido naturalmente pelo corpo e é considerado como a chave para a juventude, o problema é que as nossas reservas dessa preciosa molécula vão decaindo lentamente à medida que envelhecemos.

Além de se encontrar principalmente na pele, com a função de manter a hidratação intracelular, firmeza, sustentação e junção das moléculas de colagénio e elastina, também presentes naquele órgão, é igualmente um nutriente essencial no fortalecimento dos olhos, colagénio e imunidade.

Se o decaimento da sua produção pelo corpo é inevitável ao longo da vida, a ingestão de alguns alimentos que estimulem a produção do ácido hialurónico, a par de uma dieta equilibrada, podem proporcionar uma pele mais jovem, uma visão melhor e um corpo mais saudável e flexível.

Entre os alimentos considerados como fontes importantes de ácido hialurónico, contam-se as carnes fibrosas de vitela, cordeiro, perú e pato que, no entanto, devem ser comidas com moderação a fim de manter os níveis saudáveis de colesterol.

Outras partes de animais, como tendões e cartilagens como pé de galinha, moela, tutano e outras miudezas, consumidas de preferência em caldos, são também boas fontes daquela molécula.

O salmão, além de fornecer vários nutrientes da saúde e beleza é outra das fontes ricas em ácido hialurónico, bem como a soja e seus derivados e a batata, ela também uma importante fonte do ácido da juventude!

Autor:
Tupam Editores

Última revisão:
23 de Janeiro de 2024

Referências Externas:

PERDA DE PESO INDESEJADA

BELEZA E BEM-ESTAR

PERDA DE PESO INDESEJADA

As perdas de peso, ou emagrecimento involuntário numa pessoa, podem ocorrer sem motivo aparente e muitas vezes de forma rápida, não estando relacionadas com alterações na dieta ou na prática de exercí...
COMO EVITAR OS ESCALDÕES DO SOL

BELEZA E BEM-ESTAR

COMO EVITAR OS ESCALDÕES DO SOL

Chegada a época de férias é oportuno lembrarmos a necessidade de protegermos o corpo dos raios solares mais intensos, de que podem resultar danos graves, caso sejam descurados.
PÂNCREAS, ESSE DESCONHECIDO

DOENÇAS E TRATAMENTOS

PÂNCREAS, ESSE DESCONHECIDO

A diabetes, comum no mundo ocidental, e o cancro do pâncreas, assintomático até aos estágios mais avançados, são alguns dos problemas originados neste orgão a que damos tão pouca importância.
VULNERABILIDADES À CANDIDA ALBICANS

DOENÇAS E TRATAMENTOS

VULNERABILIDADES À CANDIDA ALBICANS

A candidíase é uma infeção causada por qualquer um dos mais de vinte fungos do género Candida conhecidos, sendo a espécie mais dominante a Candida Albicans.
0 Comentários