CANCRO

Dois copos de bebida alcoólica por dia aumentam risco de cancro

Nos últimos anos, diversos estudos têm mostrando evidências da relação entre o consumo de bebidas alcoólicas e cancro. Agora, uma nova investigação reforça essa relação: mesmo um consumo moderado de álcool pode aumentar o risco de cancro, especialmente da boca, garganta, estômago e cólon.

Dois copos de bebida alcoólica por dia aumentam risco de cancro

O estudo, de investigadores Universidade de Tóquio, no Japão, publicado na revista Cancer, indica que o consumo diário de um copo e meio de vinho (177ml), uma lata e meia de cerveja (500ml) ou menos de um copo de uísque (35ml) durante dez anos aumenta o risco de cancro em cinco por cento.

Já quem consome dois copos de qualquer tipo de bebida alcoólica por dia durante 40 anos está 54 por cento mais propenso a desenvolver cancro.

Os cientistas analisaram os hábitos de consumo de álcool de 63 232 pacientes com cancro no Japão. Todos os participantes responderam a questionários acerca do consumo de álcool e há quantos anos bebiam.

Após descartar outros fatores de riscos para o cancro, como tabagismo, hipertensão, diabetes e obesidade, a equipa encontrou uma forte associação entre o consumo de bebidas alcoólicas e o desenvolvimento de cancros da boca, cólon, estômago e garganta.

Apesar dos resultados, os cientistas ressaltam que o estudo teve fatores limitadores. Os dados de consumo de álcool, por exemplo, foram baseados em autorrelato e, portanto, não são totalmente fiáveis. Também não foi possível controlar outros fatores para o risco de cancro, como histórico familiar da doença, dieta ou prática de atividade física.

Outra limitação importante está relacionada com a população investigada. Os japoneses têm uma maior prevalência de variações genéticas que os tornam mais lentos na metabolização do álcool, por isso os resultados podem não ser aplicáveis a outras populações.

Fonte: Veja

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS