PROBIÓTICOS

Deve-se tomar probióticos após tratamentos com antibióticos

A investigadora do Instituto Gulbenkian de Ciência (IGC) Karina Xavier considera que é desejável a toma de probióticos após um tratamento com antibióticos.

Deve-se tomar probióticos após tratamentos com antibióticos

 
“Os antibióticos são necessários, temos é de saber como minimizar os seus efeitos secundários”, afirmou à Lusa.

Um desses efeitos são alterações na microbiota intestinal, que se traduzem na perda de muitas bactérias que habitam o intestino e são benéficas, predispondo o organismo a infeções causadas por agentes invasores como as bactérias patogénicas, normalmente combatidas com antibióticos.
 
Karina Xavier, que lidera o laboratório de Sinalização Bacteriana do IGC, participou num estudo que se centrou nos efeitos dos antibióticos na flora intestinal e no caráter protetor da bactéria Klebsiella michiganensis (que existe no intestino humano em baixas concentrações) contra bactérias nocivas, como certas estirpes da E.coli e a Salmonella, que provocam infeções gastrointestinais.
 
Segundo Karina Xavier, a bactéria Klebsiella michiganensis demonstrou ser “bastante eficiente” na resistência e no tratamento a infeções provocadas pela E.coli.

No caso da Salmonella, uma bactéria “mais agressiva” que acabou por matar os roedores, a “progressão da infeção foi mais lenta”, assinalou a investigadora.
 
Para Karina Xavier, é “mais apropriado” dar complementos probióticos, contendo bactérias como a Klebsiella michiganensis, após um tratamento com antibióticos para “acelerar a recuperação da microbiota saudável”, para “acelerar a recuperação” da flora intestinal e assim minimizar o risco de novas infeções bacterianas.
 
Os probióticos são substâncias que contêm microrganismos benéficos para a saúde e podem ser encontradas em produtos lácteos, como iogurtes, ou em suplementos alimentares. Os antibióticos são medicamentos usados para combater infeções bacterianas.

Fonte: Lusa

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS