PROBIÓTICOS

Bebida probiótica pode vir a combater resistência a antibióticos

Uma bebida probiótica pode tornar-se uma nova arma promissora contra bactérias resistentes a antibióticos, depois de uma equipa de cientistas da Universidade de Birmingham, no Reino Unido, ter projetado e patenteado um elemento genético essencial que pode combater as bases genéticas da resistência.

Bebida probiótica pode vir a combater resistência a antibióticos

A equipa procura agora financiamento para um ensaio clínico para a bebida, com potencial para atuar contra muitas bactérias resistentes comummente encontradas no intestino humano, incluindo E. coli e Salmonella.

A bebida funciona visando pequenas moléculas de ADN, chamadas plasmídeos, dentro das células bacterianas. Essas moléculas frequentemente carregam genes que dão resistência aos antibióticos, que as bactérias são capazes de usar.

Os plasmídeos replicam-se independentemente, espalhando-se entre bactérias e carregando genes de resistência.

Ao impedir que os plasmídeos alvo se replicassem, a equipa conseguiu deslocar os genes de resistência disponíveis para as bactérias, “resensibilizando-os” para antibióticos.

O estudo foi publicado na revista PLoS ONE.


OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS