DOENÇAS-RARAS

APDI lança Canal sobre Doenças Inflamatórias do Intestino

As doenças inflamatórias intestinais (DII), como doença de Crohn e colite ulcerosa, contam, a partir desta quarta-feira, 17 de setembro, com um canal específico via web (denominado Canal APDI) onde, através de vídeos curtos, com duração de dez minutos cada, se dão esclarecimentos sobre estas duas patologias que afetam já mais de 20 mil portugueses.

APDI lança Canal sobre Doenças Inflamatórias do Intestino

A iniciativa, da responsabilidade da APDI - Associação Portuguesa da Doença Inflamatória do Intestino, conta com uma parceria estabelecida com o Canal SAPO- Saúde Lifestyle, na partilha dos vídeos em simultâneo, e vem cobrir uma lacuna sentida pela APDI no sentido de se passar mais informação e mais correta, sobre as patologias principalmente aos mais jovens que representam uma parte significativa das pessoas afetadas por estas doenças crónicas.

Contribuir para combater a iliteracia em saúde na sociedade portuguesa é também um dos grandes objetivos deste canal.

Ana Sampaio, presidente da APDI, salienta que “a criação do Canal APDI tem como objetivo principal acabar com muitos dos mitos que se vão instalando junto das pessoas com doença e que nada têm a ver com a realidade, como por exemplo a restrição de alguns alimentos nas refeições diárias”.

Assim, e para que tudo o que seja transmitido tenha base científica, a APDI conta, nos vídeos, com a participação de médicos, enfermeiros, farmacêuticos, nutricionistas, psicólogos, os dirigentes da APDI e outros profissionais de saúde assegurando, assim, a credibilidade e o teor científico do canal, que fica instalado no Youtube e que será partilhado também através da congénere brasileira, DII Brasil, através de um protocolo celebrado entre as duas associações.

Os primeiros cinco vídeos gravados contaram com a Bolsa de Cidadania atribuída pela Roche, e também com o apoio da Ordem dos Médicos, que disponibilizou o espaço para as gravações.

Nesta primeira fase, os vídeos são disponibilizados mensalmente e os temas foram selecionados para chegarem mais perto das dúvidas dos mais jovens, tentando dar respostas às seguintes questões: Tenho DII e agora?; Tenho de tomar medicamentos?; Que exames tenho que fazer?; Vou ter que mudar a minha alimentação? e Vou viajar. O que preciso de saber?.

A condução das entrevistas do Canal APDI, está a cargo da antiga jornalista e apresentadora de televisão, Marina Caldas, também ela vitima da patologia em questão, há cerca de 25 anos.

Fonte: FDC (press release)

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS