Herbácea kratom apresenta riscos para a saúde

  Tupam Editores

O suplemento herbáceo não regulamentado conhecido como kratom, que é usado principalmente para tratar a dor ou distúrbios de humor, está associado a toxicidades significativas, de acordo com um estudo publicado na revista Pharmacotherapy.

O Kratom (Mitragyna speciosa) provém da Tailândia e da Malásia, onde é usado como substituto para o ópio. O principal alcaloide no kratom é a mitraginina, conhecida pelos efeitos positivos no humor. Estimula o corpo e aumenta a atividade.

Pesquisadores da Binghamton University, em Nova Iorque, nos Estados Unidos, e colegas conduziram uma revisão retrospetiva das exposições à kratom relatadas ao National Poison Data System para determinar as toxicidades associadas. As fatalidades associadas ao kratom foram identificadas no escritório de um médico legista do condado no estado de Nova Iorque.

Kratom-suplemento

Os cientistas identificaram 2 312 exposições ao kratom; 935 casos envolveram kratom como a única substância. O kratom causou mais frequentemente agitação, taquicardia, sonolência, vómitos e confusão (18,6, 16,9, 13,6, 11,2 e 8,1 por cento, respetivamente).

Também houve relatos de efeitos graves de convulsão, abstinência, alucinações, depressão respiratória, coma e paragem cardíaca ou respiratória (6,1, 6,1, 4,8, 2,8, 2,3 e 0,6 por cento, respetivamente). Na morte de quatro indivíduos identificados pelo escritório do médico-legista do condado, o kratom foi listado como causa ou fator contribuinte.

O estudo concluiu que o uso de kratom está a aumentar e está associado a toxicidades significativas. As descobertas sugerem que não é razoável esperar que o kratom seja seguro e que representa uma ameaça à saúde pública, devido à sua disponibilidade como um suplemento fitoterápico.

ARTIGO

Autor:
Tupam Editores

Última revisão:
11 de Dezembro de 2019

Referências Externas:

Relacionados

FITOTERAPIA - A terapia pelas plantas

A fitoterapia, pode produzir tratamentos com elevada eficácia para as mais variadas patologias. Mas, contrariamente à crença popular, o uso de plantas medicinais não é completamente isento de riscos.

MEDICAMENTOS DA FEIRA

Atualmente as evidências científicas mostram que consumir hortofrutícolas em abundância é vantajoso para a saúde. Uma visita ao mercado pode fazer tão bem como uma visita à farmácia.

Destaques

SEXERCISES - Otimize a sua Performance!

Derivada das palavras “sex” + “exercise”, estes exercícios físicos tem como objetivo tonificar, reconstruir e fortalecer a massa muscular para melhorar a atividade e o prazer sexual.
0 Comentários