Loflazepato de etilo

DCI com Advertência na Gravidez DCI com Advertência no Aleitamento DCI com Advertência na Condução
O que é
Loflazepato de etilo é uma substância utilizada como medicamento pertencente ao grupo e sub-grupos: Medicamentos Sistema nervoso central; Psicofármacos; Ansiolíticos, sedativos e hipnóticos; Benzodiazepinas
Usos comuns
É indicado para o tratamento de crises de ansiedade, crises de angústia, abstinência alcoólica e para o tratamento e prevenção de delírios com tremores, em adultos.
Tipo
Molécula pequena.
História
Sem informação.
Indicações
Perturbações da ansiedade e sintomas ansiosos.
Classificação CFT

02.09.01 : Ansiolíticos, sedativos e hipnóticos

Mecanismo De Ação
Loflazepato de Etilo pertence ao grupo das benzodiazepinas.
Posologia Orientativa
A dose recomendada e a duração do tratamento devem ser indicadas pelo médico, pois dependem da resposta individual de cada paciente ao tratamento.

Geralmente, a dose recomendada varia de meio a um comprimido e meio por dia, de acordo com indicação médica.
Administração
Via oral.
Contraindicações
Está contraindicado para crianças, pacientes com doenças respiratórias como insuficiência respiratória grave, doença ou problemas no fígado ou rins, pacientes com doenças musculares como miastenia gravis, apneia do sono e para pacientes com alergia ao Loflazepato de Etilo.
Efeitos Indesejáveis/Adversos
Sonolência e incoordenação motora, alterações gastrintestinais, obstipação, diarreia, vómitos e alterações do apetite; alterações visuais e irregularidades
cardiovasculares; alteração da memória a curto prazo, confusão, depressão, vertigem.

O uso prolongado pode causar dependência e síndrome de abstinência quando a medicação é interrompida.
Advertências

Sem informação.

Precauções Gerais
Antes de usar este medicamento, deverá falar com o médico se estiver grávida, tiver mais de 65 anos, pretendendo engravidar ou amamentando, tiver alguma doença, historial de alergia a outros medicamentos ou se estiver a tomar outros medicamentos, incluindo medicamentos sem receita médica.

Pode causar dependência física ou psicológica, pelo que, apenas deve ser utilizado de acordo com indicação médica. Em casos de dependência ou uso prolongado, quando o tratamento é interrompido bruscamente, podem ser sentidos sintomas como insónia, dor de cabeça, dores musculares, ansiedade, irritabilidade e agitação.
Cuidados com a Dieta
Não ingerir álcool.
Terapêutica Interrompida
Caso ocorra o esquecimento da administração de uma dose deve saltar a dose esquecida e tomar apenas a dose do horário seguinte. As doses nunca devem ser administradas a dobrar ou em horários muito próximos.
Cuidados no Armazenamento
Manter este medicamento fora da vista e do alcance das crianças.

Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu médico, enfermeiro ou farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidas ajudarão a proteger o ambiente.
Espectro de Suscetibilidade e Tolerância Bacteriológica
Sem informação.
Informe o seu Médico ou Farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica (OTC), Produtos de Saúde, Suplementos Alimentares ou Fitoterapêuticos.

Durante o tratamento deve evitar conduzir veículos ou máquinas, pois este medicamento pode causar sonolência ou diminuição dos reflexos.
Informação revista e actualizada pela equipa técnica do INDICE.EU em: 08 de Setembro de 2020