Idosos que mantêm vida sexual ativa têm mais qualidade de vida

100


Idosos que mantêm vida sexual ativa têm mais qualidade de vida

  Tupam Editores

Os idosos que mantêm a sua vida sexual ativa registam uma melhor qualidade de vida, revela um estudo internacional publicado na revista Sexual Medicine.

Cerca de 40 por cento dos inquiridos durante o estudo, com idades entre os 50 e os 85 anos, admitiram que fazem sexo com regularidade e que, por isso, se sentem melhor, mais vivos e com menos problemas de saúde.

O estudo foi realizado por investigadores da Universidade Anglia Ruskin e do Universidade College London, ambas no Reino Unido e contou com a participação de 6 879 adultos com idades entre os 50 e os 89 anos.

Casal sénior

A investigação concluiu que os idosos com uma vida sexual ativa são pessoas mais felizes, satisfeitas e realizadas, apresentando índices que permitem medir os níveis de qualidade de vida superiores à média.

No caso das mulheres, as que são beijadas e/ou acariciadas mais vezes evidenciam, em média, indicadores próximos dos homens que fazem mais sexo.

“Os resultados deste estudo indicam que o coito é mais importante para os homens mais velhos do que para as mulheres mais velhas”, refere a publicação. “Os profissionais de saúde têm de perceber que os adultos mais velhos não são assexuados”, afirma o investigador Lee Smith.

“As pessoas mais velhas não são, por norma, encorajadas a experimentar novas posições [sexuais], nem a explorar diferentes tipos de atividades [sexuais]”, critica o cientista.

“As descobertas do nosso estudo sugerem que pode ser benéfico para os médicos questionar os pacientes mais velhos sobre a sua atividade sexual”, acrescenta.

“Os profissionais de saúde devem oferecer-lhes ajuda para [lidarem com possíveis] dificuldades sexuais, como problemas com ereções, já que a atividade sexual ajuda as pessoas mais velhas a viverem vidas mais gratificantes”, afirma ainda o investigador, adepto de (novas) políticas de saúde que incentivem as pessoas mais idosas a ir mais longe no que se refere ao sexo, explorando novas posições sexuais.

ARTIGO

Autor:
Tupam Editores

Última revisão:
30 de Abril de 2019

Referências Externas:

Relacionados

SEXERCISES - Otimize a sua Performance!

Referido por alguns especialistas e não só, como formas ou expressões de erotismo, sexercises são exercícios físicos realizados como preparação para a atividade sexual e projetados com o objetivo de t...

REINVENTAR O CASAMENTO

Ser feliz é muito provavelmente o objetivo primeiro de todo o ser humano. O problema é que a vida é feita de momentos bons e de momentos maus e se não queremos perder os bons, também não podemos evita...

Destaques

MENOPAUSA

A forma como homens e mulheres lidam com os primeiros sinais de envelhecimento difere. No entanto, são cada vez mais as pessoas que encaram com naturalidade a nova fase da vida, desfrutando em pleno...

VACINAÇÃO

Um dos maiores trunfos da ciência foi a imunização em larga escala da população, aventura que teve início há mais de mil anos.
0 Comentários