Fatores maternos ajudam a prever trajetória da depressão pós-parto

100


Fatores maternos ajudam a prever trajetória da depressão pós-parto

  Tupam Editores

Quatro características maternas podem prever trajetórias de 12 meses para mulheres com depressão pós-parto com precisão de 72,8 por cento, de acordo com um estudo publicado na revista Depression & Anxiety.

Cientistas da Universidade Northwestern Feinberg School of Medicine, em Chicago, nos Estados Unidos, avaliaram trajetórias de 12 meses de sintomas depressivos pós-parto para identificar características preditivas.

Os autores identificaram 507 mulheres com transtorno depressivo pós-parto de uma coorte num hospital urbano de mulheres em Pittsburgh que completaram a avaliação da gravidade dos sintomas em quatro a oito semanas, três meses, seis meses e 12 meses.

Entrevistas foram realizadas para avaliar a gravidade dos sintomas depressivos, história médica e psiquiátrica, avaliação da função, experiência obstétrica e estado do bebé.

Depressão pós-parto

Os investigadores identificaram três trajetórias distintas de sintomas depressivos entre as mulheres: remissão gradual da depressão (50,4 por cento), melhoria parcial da depressão (41,8 por cento) e depressão crónica grave (7,8 por cento).

Características preditivas da trajetória crónica grave em comparação com as trajetórias de remissão gradual e melhoria parcial incluíram paridade, educação, estado basal global e gravidade da depressão. Essas características previram a trajetória com 72,8 por cento de precisão.

Assim, quando uma futura mãe chega para sua consulta de seis semanas, existe o potencial de prever a gravidade de sua depressão nos próximos 12 meses. Desta forma, seria possível encorajar a intervenção precoce, para que as mães tenham melhores probabilidades de sucesso com o tratamento ao longo do tempo, afirmaram os autores.

ARTIGO

Autor:
Tupam Editores

Última revisão:
05 de Junho de 2019

Referências Externas:

Relacionados

BEBÉS PREMATUROS - A pressa de viver!

Chegam antes da hora, sem dar tempo para o Chá de Fraldas ou para a decoração do quarto. Os pais nem têm hipótese de os abraçar ou tocar antes de irem para a incubadora. Delicados e vulneráveis, convi...

RECÉM-NASCIDOS: Bolçar! - É normal?

Cuidar de uma criança no seu primeiro ano de vida é um verdadeiro desafio. É um novo elemento na família. É o ano da vida em que ocorrem maiores aquisições, em que todos os dias surgem mudanças e por...

Destaques

GRAVIDEZ E MEDICAMENTOS

A gravidez é um momento único na vida de uma mulher e o nascimento de uma criança saudável é a expectativa maior dos pais. Durante o período gestacional ocorrem profundas alterações fisiológicas no co...

MAGNÉSIO - O mineral chave da saúde e longevidade!

Sofre de dores de cabeça, fadiga, insónias e indisposição? Já acordou abruptamente, a meio da noite, com uma dor excruciante numa perna, vulgarmente conhecida por cãibra? Nesse caso, é grande a probab...
0 Comentários