Loratadina

DCI com Advertência na Gravidez DCI com Advertência no Aleitamento DCI com Advertência na Insuficiência Hepática DCI com Advertência na Condução
O que é
A Loratadina pertence ao grupo farmacoterapêutico dos medicamentos anti-histamínicos.

A Loratadina é um anti-histamínico (medicamento antialérgico) tricíclico, o qual não possui efeitos sedativos ou anticolinérgicos na maioria da população quando utilizada a dosagem recomendada.
Usos comuns
A Loratadina está indicada no tratamento sintomático de rinite alérgica e urticária idiopática crónica.
Tipo
Molécula pequena.
História
Loratadina foi patenteado em 1980 e chegou ao mercado em 1988. Está na Lista de Medicamentos Essenciais da Organização Mundial de Saúde.
Indicações
A Loratadina está indicada no tratamento sintomático da rinite alérgica e urticária idiopática crónica.
Classificação CFT

10.01.02 : Anti-histamínicos H1 não sedativos

Mecanismo De Ação
A loratadina, é um anti-histamínico tricíclico com actividade antagonista selectiva sobre os receptores H1 periféricos.

A loratadina não possui propriedades sedativas ou anticolinérgicas clinicamente significativas na maioria da população e quando utilizada na dosagem recomendada.

Durante o tratamento de longo prazo não ocorreram alterações clinicamente significativas nos sinais vitais, valores dos testes laboratoriais, resultados de exames físicos ou electrocardiogramas.

A loratadina não possui actividade significativa sobre os receptores-H2.

Não inibe a recaptação da norepinefrina e não possui praticamente qualquer influência sobre a função cardiovascular ou sobre a actividade intrínseca do pacemaker cardíaco.
Posologia Orientativa
Adultos e crianças com idade igual ou superior a 12 anos:
10 mg uma vez por dia (um comprimido uma vez por dia).

Crianças com idade compreendida entre os 2 e os 12 anos:
Peso corporal superior a 30 kg: 10 mg uma vez por dia (um comprimido uma vez por dia).

Peso corporal inferior a 30 kg: Estes comprimidos não são adequados para crianças com um peso corporal inferior a 30 kg.
Administração
Via oral.
O comprimido pode ser tomado independentemente do horário das refeições.
Contraindicações
Loratadina está contra-indicada em doentes com hipersensibilidade à Loratadina.
Efeitos Indesejáveis/Adversos
Doenças do sistema imunitário
Raros: Anafilaxia

Doenças no sistema nervoso
Frequentes: sonolência, dores de cabeça, insónia;
Raros: tonturas

Cardiopatias
Raros: taquicardia e palpitações

Afecções gastrointestinais
Frequente: Aumento de apetite.
Raros: náuseas, xerostomia (boca seca), gastrite

Afecções hepatobiliares
Raros: alteração da função hepática

Afecções dos tecidos cutâneos e subcutâneos
Raros: Exantema, alopécia

Perturbações gerais e alterações no local de administração
Raros: Fadiga
Advertências
Gravidez
Gravidez
Gravidez:Não deve utilizar Loratadina durante a gravidez.
Aleitamento
Aleitamento
Aleitamento:Não deve utilizar Loratadina durante o aleitamento, pois a loratadina é excretada no leite materno.
Insuf. Hepática
Insuf. Hepática
Insuf. Hepática:Loratadina deve ser administrada com precaução em doentes com afecção hepática grave.
Condução
Condução
Condução:Os doentes devem ser informados sobre o facto de que, muito raramente, alguns indivíduos podem sofrer sonolência, a qual pode afectar a sua capacidade de conduzir e utilizar máquinas.
Precauções Gerais
Loratadina deve ser administrada com precaução em doentes com afecção hepática grave.

A administração de Loratadina deve ser interrompida pelo menos 48 horas antes de se proceder a testes cutâneos uma vez que os anti-histamínicos podem anular ou diminuir quaisquer reacções positivas aos indicadores de reactividade dérmica.
Cuidados com a Dieta
Loratadina pode ser tomada com ou sem alimentos.

O efeito de Loratadina não é potenciado por bebidas alcoólicas.
Terapêutica Interrompida
Não tome uma dose a dobrar para compensar a dose que se esqueceu de tomar.
Cuidados no Armazenamento
Mantenha todos os medicamentos fora do alcance de crianças e animais de estimação.

Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu médico, enfermeiro ou farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidas ajudarão a proteger o ambiente.
Espectro de susceptibilidade e Tolerância Bacteriológica
Sem informação.
Potenciadora do efeito Terapêutico/Tóxico

Macrólidos + Loratadina

Observações: Podem interferir com a absorção de outros fármacos, inibir as enzimas metabolizadoras com aumento da toxicidade de alguns fármacos e, com menos frequência, reduzir a concentração plasmática de outros, por aceleração do metabolismo. Os macrólidos envolvidos com mais frequência são a eritromicina (em particular por via parentérica) e a claritromicina. A eritromicina em aplicação tópica não origina interacções.
Interacções: Por inibição enzimática, com aumento da concentração plasmática e da toxicidade respectiva interferem com - Loratadina - Loratadina
Sem efeito descrito

Mometasona + Loratadina

Observações: N.D.
Interacções: Foi realizado um estudo de interacção clínica com a loratadina. Não foram observadas quaisquer interacções. - Loratadina
Sem efeito descrito

Loratadina + Álcool

Observações: N.D.
Interacções: Quando administrado concomitantemente com álcool, Loratadina não possui efeitos potenciadores conforme comprovado em estudos sobre o rendimento psicomotor. - Álcool
Potenciadora do efeito Terapêutico/Tóxico

Loratadina + Inibidores do CYP3A4

Observações: N.D.
Interacções: Pode ocorrer uma potencial interacção com todos os inibidores conhecidos do CYP3A4 ou do CYP2D6, resultando em níveis elevados de loratadina, que podem causar um aumento dos eventos adversos. - Inibidores do CYP3A4
Potenciadora do efeito Terapêutico/Tóxico

Loratadina + Inibidores do CYP2D6

Observações: N.D.
Interacções: Pode ocorrer uma potencial interacção com todos os inibidores conhecidos do CYP3A4 ou do CYP2D6, resultando em níveis elevados de loratadina, que podem causar um aumento dos eventos adversos. - Inibidores do CYP2D6
Potenciadora do efeito Terapêutico/Tóxico

Amprenavir + Loratadina

Observações: Foram realizados estudos de interacção com amprenavir como único inibidor da protease.
Interacções: O amprenavir poderá aumentar as concentrações plasmáticas de outras substâncias, incluindo: clozapina, cimetidina, dapsona e loratadina. - Loratadina
Usar com precaução

Indinavir + Loratadina

Observações: n.d.
Interacções: INDINAVIR POTENCIADO COM RITONAVIR. Anti-histamínicoS: Loratadina: interacção com indinavir/ritonavir não estudada. O indinavir e o ritonavir inibem o CYP3A4, logo espera-se que aumentem as concentrações plasmáticas de loratadina. É recomendada uma monitorização cuidada da terapêutica e dos efeitos adversos quando a loratadina é administrada concomitantemente com indinavir/ritonavir. - Loratadina
Usar com precaução

Ritonavir + Loratadina

Observações: n.d.
Interacções: Efeitos do Ritonavir nos Medicamentos Não Antirretrovirais co-administrados: Anti-histamínicos: Loratadina: Ritonavir administrado como potenciador farmacocinético ou como medicamento antirretroviral inibe a CYP3A, pelo que se prevê que aumente as concentrações plasmáticas da loratadina. Recomenda-se monitorização cuidadosa dos efeitos terapêuticos e efeitos adversos quando a loratadina é administrada concomitantemente com ritonavir. - Loratadina
Identificação dos símbolos utilizados na descrição das Interacções da Loratadina
Informe o seu Médico ou Farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica (OTC), Produtos de Saúde, Suplementos Alimentares ou Fitoterapêuticos.

Não deve utilizar Loratadina durante a gravidez.

Não deve utilizar Loratadina durante o aleitamento, pois a loratadina é excretada no leite materno.

Os doentes devem ser informados sobre o facto de que, muito raramente, alguns indivíduos podem sofrer sonolência, a qual pode afectar a sua capacidade de conduzir e utilizar máquinas.

Loratadina deve ser administrada com precaução em doentes com afecção hepática grave.
Informação revista e actualizada pela equipa técnica do INDICE.EU em: 09 de Julho de 2021