Idebenona

DCI com Advertência na Gravidez DCI com Advertência no Aleitamento DCI com Advertência na Condução DCI/Medicamento Sujeito a Receita Médica (a ausência deste simbolo pressupõe Medicamento Não Sujeito a Receita Médica) DCI/Medicamento sujeito a Monitorização Adicional
O que é
Medicamento com ação no Sistema Nervoso Central (SNC), que está indicado no tratamento da hipobúlia (diminuição dos processos voluntários), alterações afetivas e logopatia (perturbação do raciocínio e da linguagem), associadas às sequelas de enfarte cerebral, hemorragia cerebral e aterosclerose cerebral.
Usos comuns
Está indicado no tratamento da hipobúlia (diminuição dos processos voluntários), alterações afetivas e logopatia (perturbação do raciocínio e da linguagem), associadas às sequelas de enfarte cerebral, hemorragia cerebral e aterosclerose cerebral.
Tipo
Sem informação.
História
Sem informação.
Indicações
Está indicado no tratamento da hipobúlia, alterações afetivas e logopatia, associadas às sequelas de enfarte cerebral, hemorragia cerebral e aterosclerose cerebral.
Classificação CFT
02.13.01     Medicamentos utilizados no tratamento sintomático das alterações das funções cognitivas
Mecanismo De Ação
A idebenona é um derivado das benzoquinonas, mais especificamente da ubiquinona (coenzima Q10), que ativa a função das mitocôndrias cerebrais e melhora as alterações do metabolismo energético cerebral.

Mediante vários estudos experimentais comprovou-se que os efeitos benéficos da idebenona resultam essencialmente das seguintes propriedades:
- estimula o metabolismo cerebral, melhorando e aumentando o consumo de glucose,
- atua como transportador de eletrões na cadeia respiratória mitocondrial,
- reduz o consumo de oxigénio não respiratório,
- estimula a formação de ATP e inibe a peroxidação de lípidos da membrana mitocondrial (antioxidante) contribuindo assim para que esta mantenha intacta a sua morfologia e integridade.

A idebenona demonstrou ser útil na terapêutica substitutiva e compensatória do défice cerebro-vascular e cognitivo de diversa etiologia.

É eficaz em situações de défice neurológico provocado por ictus ou isquémia cerebral, exercendo também um efeito positivo sobre a capacidade de retenção (memória).

O mecanismo de ação explica-se através de 4 ações fundamentais:
- ação sobre neurotransmissores e memória,
- ação antiperoxidativa cerebral,
- ação neuroprotectora, e
- inibição da agregação plaquetária (útil na redução do risco trombótico).

O seu mecanismo de ação é essencialmente neuroquímico.

Quando o equilíbrio cerebral está alterado como consequência de isquémia, a idebenona antagoniza anomalias tais como a diminuição de serotonina, acetilcolina e ATP ou o aumento de lactato.

Quando a utilização de glucose se encontra reduzida devido a uma lesão cerebral ou ictus, a idebenona antagoniza estas situações com um mecanismo de ação a nível mitocondrial.

Por outro lado, a sua analogia estrutural com a coenzima Q, permite acelerar a formação de ATP, diminuir o consumo de O2 cerebral e diminuir também a peroxidação lipídica a nível da membrana mitocondrial.
Posologia Orientativa
A dose habitual é 1 comprimido 2 vezes ao dia (90 mg/dia).
Administração
Sem informação.
Contraindicações
Não tome:
- se tem alergia (hipersensibilidade) à idebenona.
Efeitos Indesejáveis/Adversos
A idebenona é em geral bem tolerada.

Os efeitos secundários reportados foram sempre de natureza transitória e reversível.

Efeitos secundários raros (podem afectar até 1 em 1000 pessoas):
- Reações de hipersensibilidade
- Distúrbios gastrointestinais
- Vertigens
- Ansiedade
- Alterações do sono

A relação entre a ocorrência destes efeitos secundários e o tratamento com idebenenona não foi confirmada.

Foram também notificadas alterações ligeiras transitórias e reversíveis de alguns parâmetros laboratoriais (hemograma e transaminases).
Advertências
Gravidez
Gravidez:Evitar; não foi estabelecida a segurança do seu uso na gravidez. Risco fetal desconhecido, por falta de estudos alargados.
Conducao
Conducao:Altera a capacidade de condução.
Aleitamento
Aleitamento:Deve ser administrado com precaução em mulheres a amamentar.
Precauções Gerais
Sem relevância.
Cuidados com a Dieta
Tome os comprimidos após as refeições de forma a potenciar a absorção do medicamento.
Terapêutica Interrompida
Se se tiver esquecido de tomar uma dose, tome-a assim que se lembrar.

Não tome uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de tomar.
Cuidados no Armazenamento
Manter fora do alcance e da vista das crianças.

Conservar a temperatura inferior a 25 ºC.

Conservar na embalagem de origem para proteger da luz e da humidade.
Espetro de Suscetibilidade e Tolerância Bacteriológica
Sem informação.
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.

Deve ser administrado com precaução em mulheres a amamentar.
Informação revista e atualizada pela equipa técnica do INDICE.EU em: 11 de Outubro de 2017