Ibuprofeno + Paracetamol

DCI com Advertência na Gravidez DCI com Advertência no Aleitamento DCI com Advertência na Condução
Fórmula Estrutural
Fórmula Estrutural - Ibuprofeno + Paracetamol
Fórmula Estrutural - Ibuprofeno + Paracetamol
Nome IUPAC N-(4-hydroxyphenyl)acetamide;2-[4-(2-methylpropyl)phenyl]propanoic acid
Número CAS Sem informação.
PubChem 11581230
DrugBank Sem informação.
ChemSpider Sem informação.
Código ATC N02B | N02BE51
DCB Sem informação.
UNII Sem informação.
KEGG Sem informação.
ChEBI Sem informação.
ChEMBL Sem informação.
Fórmula química C21H27NO4
Massa molar 357.45 g/mol
SMILES CC(C)CC1=CC=C(C=C1)C(C)C(=O)O.CC(=O)NC1=CC=C(C=C1)O
InChI InChI=1S/C13H18O2.C8H9NO2/c1-9(2)8-11-4-6-12(7-5-11)10(3)13(14)15;1-6(10)9-7-2-4-8(11)5-3-7/h4-7,9-10H,8H2,1-3H3,(H,14,15);2-5,11H,1H3,(H,9,10)
Key FNJPZNCSYSZKSV-UHFFFAOYSA-N
Ponto de fusão Sem informação.
Ponto de ebulição Sem informação.
Solubilidade Sem informação.
Biodisponibilidade Tanto o paracetamol como o ibuprofeno são rapidamente absorvidos a partir do tracto gastrointestinal, com a concentração plasmática máxima a ocorrer cerca de 10 a 60 minutos após a administração oral.
A taxa e a absorção tanto do paracetamol como do ibuprofeno a partir do medicamento combinado são ligeiramente atrasadas quando a administração ocorre após a ingestão de alimentos.
Metabolismo O paracetamol é metabolizado extensivamente no fígado e excretado na urina, principalmente na forma de glucoronídeo inactivo e conjugados sulfatados. Menos de 5% é excretado na forma não alterada. Os metabólitos do paracetamol incluem um intermediário hidroxilado minoritário que tem actividade hepatotóxica. Este intermediário activo é detoxificado mediante conjugação com glutationa; no entanto, pode acumular após sobredosagem com paracetamol e, se não tratado, tem potencial para causar danos hepáticos graves e até mesmo irreversíveis.
O paracetamol é metabolizado de modo diferente por crianças prematuras, recém-nascidos e crianças jovens comparativamente com os adultos, sendo o conjugado sulfatado a forma predominante.

O ibuprofeno é extensivamente metabolizado em compostos inactivos no fígado, principalmente por glucoronidação.
As vias metabólicas do paracetamol e do ibuprofeno são distintas e não deve haver nenhuma interacção medicamentosa na qual o metabolismo de um afecta o metabolismo do outro. Um estudo formal usando enzimas hepáticas humanas para investigar tal possibilidade não encontrou nenhuma interacção medicamentosa potencial ao nível das vias metabólicas.
Semi-Vida O tempo de semi-vida de eliminação do paracetamol varia entre 1 e 3 horas.

A semi-vida de eliminação do ibuprofeno é de cerca de 2 horas.
Ligação plasmática Tal como com qualquer medicamento que contém paracetamol, este é distribuído para a maioria dos tecidos corporais.

O ibuprofeno encontra-se extensivamente ligado (90–99%) a proteínas plasmáticas.
Excreção 95% da dose administrada de ibuprofeno é eliminada na urina no período de quatro horas após a ingestão.

O Paracetamol é eliminado sobretudo através da urina sob a forma do conjugado do ácido glucorónico ou, numa proporção menor, conjugado com o ácido sulfúrico e cisteína. Menos de 5% é excretado sob a forma inalterada.
Classificação legal Sem informação.
Nome Comercial de Referência Dolostop Duo
Licença Pharmakern Portugal - Produtos Farmacêuticos, Sociedade Unipessoal, Lda.
Cat. Gravidez Contra-indicado durante o terceiro trimestre de gravidez.
Estado Legal MNSRM-EF
Via de Adm. Oral.
Notas, Referências & Links Externos

Wikipedia EN

PubChem

DrugCom

1mg

Informação revista e actualizada pela equipa técnica do INDICE.EU em: 11 de Novembro de 2021