Ácido oxálico (etanodióico)

O que é
O ácido oxálico ou ácido etanodióico é um ácido (mais precisamente um ácido dicarboxílico) de fórmula molecular H2C2O4 ou, mais precisamente, HO2CCO2H.

É um ácido orgânico saturado, de cadeia normal e relativamente forte, sendo 10.000 vezes mais forte que o ácido acético.

Comercialmente, a forma mais usual é a diidratada, de fórmula molecular C2H2O4·2H2O.

O ácido dicarboxílico forte ocorre em muitas plantas e vegetais.

É produzida no organismo pelo metabolismo de ácido glioxilico ou ácido ascórbico.

Não é metabolizado mas excretada na urina.

É utilizado como um reagente analítico e agente de redução geral.
Usos comuns
É encontrado nas plantas do género Oxalis.

O ácido oxálico pode ser encontrado também no espinafre, no tomate, no inhame, na carambola e outros vegetais.

Em relação à carambola, o ácido oxálico ocorre em grande quantidade e é o grande responsável pelo efeito tóxico desta fruta em pacientes com disfunções renais.

Aplicações:
- Produto anti-tártaro.

- Eliminação de ferrugem em metais, mármores e outras pedras.

- Fixação de corantes em tecidos ( mordente )

- Obtenção de corantes

- Fabricação de tintas de escrever

- Branqueamento e curtição industrial de couros.

- Branqueamento de texteis, papeis, cortiça e palha.

- Produção de oxalatos.
Tipo
Molécula pequena.
História
O nome usual ácido oxálico é de origem grega: axys ( azedo )
Indicações
É encontrado nas plantas do género Oxalis. O ácido oxálico pode ser encontrado também no espinafre, no tomate, no inhame, na carambola e outros vegetais. Em relação à carambola, o ácido oxálico ocorre em grande quantidade e é o grande responsável pelo efeito tóxico desta fruta em pacientes com disfunções renais.

Aplicações:
- Produto anti-tártaro.

- Eliminação de ferrugem em metais, mármores e outras pedras.

- Fixação de corantes em tecidos ( mordente )

- Obtenção de corantes

- Fabricação de tintas de escrever

- Branqueamento e curtição industrial de couros.

- Branqueamento de texteis, papeis, cortiça e palha.

- Produção de oxalatos.
Classificação CFT
n.d.     n.d.
Mecanismo De Ação
Sem informação.
Posologia Orientativa
Sem informação.
Administração
Sem informação.
Contraindicações
Hipersensibilidade ao Ácido oxálico.
Efeitos Indesejáveis/Adversos
Sem informação.
Advertências
Precauções Gerais
Sem informação.
Cuidados com a Dieta
Sem informação.
Terapêutica Interrompida
Sem informação.
Cuidados no Armazenamento
Manter este medicamento fora da vista e do alcance das crianças.
Espetro de Suscetibilidade e Tolerância Bacteriológica
Sem informação.

Carbonato de cálcio + Lactogluconato de cálcio + Ácido oxálico (etanodióico)

Observações: N.D.
Interações: O ácido oxálico (presente nos espinafres e no ruibarbo) e o ácido fítico (presente em todos os cereais) podem inibir a absorção de cálcio através da formação de compostos insolúveis com os iões de cálcio. O doente não deve tomar medicamentos com cálcio nas duas horas que se seguem após a ingestão de alimentos ricos em ácido oxálico e ácido fítico.

Ácido alendrónico + Cálcio + Colecalciferol + Ácido oxálico (etanodióico)

Observações: n.d.
Interações: Cálcio/colecalciferol O ácido oxálico (encontrado nos espinafres e ruibarbo) e o ácido fítico (encontrado nos cereais completos) podem inibir a absorção de cálcio através da formação de compostos insolúveis com iões de cálcio. O doente não deve tomar produtos com cálcio nas duas horas após ter ingerido alimentos ricos em ácido oxálico e ácido fítico.

Colecalciferol + Carbonato de sódio + Ácido oxálico (etanodióico)

Observações: N.D.
Interações: O ácido oxálico (que se encontra nos espinafres e no ruibarbo) e o ácido fítico (que se encontra nos cereais integrais) podem inibir a absorção de cálcio através da formação de compostos insolúveis com iões de cálcio. O doente não deve tomar produtos com cálcio no intervalo de duas horas do consumo de alimentos com alto teor em ácido oxálico e ácido fítico.

Fosfato tricálcico + Colecalciferol + Ácido oxálico (etanodióico)

Observações: N.D.
Interações: Podem surgir interações com os alimentos, contendo, por exemplo, fosfatos, ácido oxálico e fítico, com redução da absorção do cálcio.
Informe o seu Médico ou Farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica (OTC), Produtos de Saúde, Suplementos Alimentares ou Fitoterapêuticos.
Informação revista e atualizada pela equipa técnica do INDICE.EU em: 11 de Outubro de 2017