Acetato de sódio

DCI com Advertência na Gravidez
O que é
O Acetato de sódio, também designado por etanoato de sódio, é um composto cristalino incolor, de fórmula ( CH3COONa ), possuindo massa molar de 82,03378928.

Apresenta-se normalmente na forma de sal anidro ou trihidratado.

Ambas as formas são solúveis em água e em etoxietano e ligeiramente solúveis em etanol.
Usos comuns
Como fonte de sódio para adição aos fluidos de grande volume IV, para prevenir ou corrigir a hiponatremia em pacientes com ingestão oral restrita ou nula, como aditivo para preparar fórmulas específicas de fluidos IV, quando as necessidades do paciente não podem ser satisfeitas pelo eletrólito padrão ou soluções de nutrientes.
Tipo
Sem informação.
História
Sem informação.
Indicações
- Tratamento de reposição de eletrólitos em nutrição parenteral;
- Correção de hiponatremia;
- Correção de acidose grave.
Classificação CFT
n.d.     n.d.
Mecanismo De Ação
O sódio é o principal catião do líquido extracelular. É composto por mais de 90% do total de catiões na sua concentração de plasma normal de aproximadamente 140 mEq / litro.

O ião de sódio exerce um papel fundamental no controlo hidroeletrolítico corporal total e sua distribuição.

Acetato de (CH3COO-) é um recetor do ião hidrogénio. Também serve como fonte alternativa de bicarbonato (HCO3-) por conversão metabólica no fígado.

Esta conversão tem-se mostrado fácil para prosseguir, mesmo na presença de uma doença hepática grave.
Posologia Orientativa
- Na nutrição parentérica, desde 160 mmol / dia de acetato de sódio;
- Em crianças com menos de 32 semanas de gestação, 3 mmol / kg / dia;
- Cada ml da solução contém 136,1 mg de acetato de sódio (tri-hidrato), o equivalente a 1 mmol de acetato de sódio (= 1 meq) e 23 mg de sódio.
Administração
A solução de Acetato de sódio deve ser administrada por perfusão intravenosa após diluição e sujeito às doses indicadas, deverá ter em conta a evolução das sucessivas administrações do sódio sérico.
Contraindicações
Insuficiência renal grave, cirrose, insuficiência cardíaca e outras situações coexistentes com edema e / ou retenção de sódio, e em pacientes com oligúria ou anúria.
Efeitos Indesejáveis/Adversos
Os principais efeitos adversos devido à administração excessiva consistem em hipernatremia manifestada por náuseas, vómitos, diarreia, cólicas abdominais, sede, redução lacrimal e salivar, sudorese, febre, taquicardia, hipertensão, insuficiência renal, edema pulmonar e paragem respiratória periférica, dor de cabeça, tonturas, agitação, fraqueza, tremor muscular e rigidez, convulsões, coma e morte.

Na administração crónica pode verificar-se retenção de líquidos com inchaço dos pés, aumento de peso e edema.
Advertências
Gravidez
Gravidez:Todos os trimestres: C - Não há estudos adequados em mulheres. Em experiências animais ocorreram alguns efeitos colaterais no feto, mas o benefício do produto pode justificar o risco potencial durante a gravidez.
Precauções Gerais
Devido ao seu teor em sódio deve administrar-se sempre lentamente a fim de evitar a sobrecarga de retenção de sódio e água.

Devido ao seu conteúdo ião acetato, deve ser usado com muita precaução em doentes com alcalose metabólica ou respiratória, mesmo em situações que envolvam elevação do acetato ou com dificuldades para a sua utilização, como a insuficiência hepática grave.

A administração intravenosa pode resultar em sobrecarga hídrica e / ou de solutos.

Deve ter-se cuidado na administração de líquidos, especialmente com outras soluções que contenham sódio.

Cada grama de acetato de sódio (tri-hidratado) representa cerca de 7,3 mmol de sódio e de acetato. Cada 5,92 g de acetato de sódio equivale a 1 g de sódio.

Dissolvido em água para injecção a 5% de acetato de sódio 1M tem um pH entre 7,5 e 9,2.
Cuidados com a Dieta
Não aplicável.
Terapêutica Interrompida
Não utilizar uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de aplicar/tomar.
Cuidados no Armazenamento
Manter fora do alcance e da vista das crianças.
Armazenar entre 5 º e 25 º C e protegido da luz
Espetro de Suscetibilidade e Tolerância Bacteriológica
Sem informação.
Informar o Médico ou Farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.
Informação revista e atualizada pela equipa técnica do INDICE.EU em: 11 de Outubro de 2017