Ureia

DCI com Advertência na Gravidez
O que é
Ureia é um composto formado no fígado a partir de amoníaco produzido pela desaminação dos aminoácidos.

É o produto final diretor de catabolismo proteico e constitui cerca de metade do total de sólidos urinários.
Usos comuns
É indicado como hidratante, emoliente e queratolítico no tratamento da pele seca e áspera, hiperqueratoses, ictioses, eczemas e calosidades em áreas rugosas de mãos, cotovelos, joelhos e pés.
Tipo
pequena molécula
História
A ureia foi descoberta pela primeira vez na urina em 1727 pelo cientista holandês Herman Boerhaave, embora esta descoberta é muitas vezes atribuída ao químico francês Hilaire Rouelle.

Em 1828, o químico alemão Friedrich Wöhler obteve ureia artificialmente tratando cianato de prata com cloreto de amónio.

Esta foi a primeira vez que um composto orgânico foi artificialmente sintetizado a partir de materiais de partida inorgânicos, sem o envolvimento de organismos vivos.

Os resultados deste experimento implicitamente desacreditado vitalismo - a teoria de que os produtos químicos dos organismos vivos são fundamentalmente diferentes da matéria inanimada.

Essa perceção foi importante para o desenvolvimento da química orgânica.
Indicações
Tratamento sintomático das lesões secas e descamativas, particularmente, da ictiose, do eczema e da psoríase.
Classificação CFT
n.d.     n.d.
Mecanismo De Ação
Sem informação.
Posologia Orientativa
Aplicar uniformemente sobre as áreas ressecadas da pele, 2 a 3 vezes ao dia.
Administração
Sem informação.
Contraindicações
Hipersensibilidde à ureia.
Efeitos Indesejáveis/Adversos
Podem ocorrer reações desagradáveis, tais como vermelhidão ou irritação local. Caso isso ocorra, interrompa o uso do produto.
Advertências
Gravidez
Gravidez:Não administrar durante a gravidez
Precauções Gerais
Exclusivamente para uso externo.

Não deixe entrar em contato com os olhos, nem utilize o produto nas áreas próximas aos mesmos.

Se, acidentalmente, o medicamento entrar em contato com os olhos, lavar com bastante água.

Evitar contato com mucosas.

Não aplicar sobre áreas de pele com fissuras ou outras lesões, pois pode haver ardência local.

Caso isso ocorra, descontinuar o tratamento.

Informe seu médico a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após o seu término.

Informe seu médico se estiver amamentando.
Cuidados com a Dieta
Não aplicável.
Terapêutica Interrompida
Não utilize uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de aplicar.
Cuidados no Armazenamento
Manter fora do alcance e da vista das crianças.

Conservar em temperatura ambiente (entre 15° e 30°C).
Espetro de Suscetibilidade e Tolerância Bacteriológica
Sem informação.

Tobramicina + Ureia

Observações: N.D.
Interações: Alguns diuréticos podem potenciar a toxicidade dos aminoglicosidos, ao alterar as concentrações dos antibióticos no sangue e tecidos. Tobramicina não deve ser administrado concomitantemente com furosemida, ureia ou manitol.

Tacalcitol + Ureia

Observações: N.D.
Interações: Não existem estudos no que respeita à utilização concomitante e por via tópica de Tacalcitol pomada com corticóides, ureia, ditranol ou PUVA.
 Potenciadora do efeito Terapêutico/Tóxico

Ditranol + Ureia

Observações: N.D.
Interações: A utilização concomitante de preparações tópicas contendo ácido salicílico ou ureia intensifica o efeito de Ditranol creme.
 Potenciadora do efeito Terapêutico/Tóxico
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.
Informação revista e atualizada pela equipa técnica do INDICE.EU em: 11 de Outubro de 2017