Tecnécio (99mTc) exametazima

DCI com Advertência na Gravidez DCI com Advertência no Aleitamento Uso Hospitalar
O que é
Este medicamento é apenas para uso em diagnóstico.

Tecnécio (99mTc) exametazima é um produto radiofarmacêutico.

• Contém um ingrediente ativo denominado "exametazima".

Este é misturado com outro ingrediente denominado "tecnécio" antes de ser utilizado.

Depois de injetado, pode ser visto a partir do exterior do seu corpo por uma câmara especial utilizada no exame.

• O exame pode ajudar o médico a ver a quantidade de sangue que flui no cérebro.

Pode ser importante saber isso após um AVC, se sofrer de convulsões (ataques) ou epilepsia, de doença de Alzheimer ou de um tipo semelhante de demência.

Também pode ser utilizado em pessoas com enxaqueca (dor de cabeça).

• O exame pode ajudar o médico a investigar uma febre quando o motivo para a mesma não é conhecido.

• O exame pode também ajudar o médico a investigar locais de infeção, tais como o seu abdómen (a zona à volta do seu estômago).

• Este medicamento é administrado a algumas pessoas para permitir ver inchaços (inflamações) no intestino.
Usos comuns
Este medicamento é apenas para uso em diagnóstico.

É indicado em adultos e idosos.

Para população pediátrica.

Depois de radiomarcada com solução de pertecnetato de sódio (99mTc), a solução de tecnécio (99mTc) exametazima obtida é indicada para:

Neurologia
O tecnécio (99mTc) exametazima é indicado para utilização na tomografia por emissão de fotão único (SPECT).

Na SPECT de perfusão cerebral, o objetivo de diagnóstico é a deteção de anomalias do fluxo sanguíneo cerebral regional.
As seguintes indicações estão suficientemente documentadas:
Avaliação de doentes com doença cerebrovascular (especificamente AVC agudo, isquemia crónica e acidente isquémico transitório)
Lateralização pré-cirúrgica e localização de focos epileptogénicos.

Avaliação de doentes com suspeita de demência (especificamente doença de Alzheimer e demência frontotemporal)
Avaliação de doentes com enxaqueca
Técnica adjuvante no diagnóstico de morte cerebral
Doenças infecciosas ou inflamatórias
Em doenças infecciosas ou inflamatórias, o objetivo de diagnóstico são tecidos ou estruturas nos quais são retidos leucócitos marcados.

Em doenças infecciosas ou inflamatórias, as seguintes indicações estão suficientemente documentadas:
Localização de focos anormais que orientem o diagnóstico etiológico em caso de febre de etiologia desconhecida
Diagnóstico de infeção em caso de suspeita de osteomielite (com ou sem implantes) e suspeita de infeção de prótese da anca ou do joelho.

Deteção da extensão da inflamação em caso de doença intestinal inflamatória.


Tipo
Sem informação.
História
Sem informação.
Indicações
Este medicamento é apenas para uso em diagnóstico.

É indicado em adultos e idosos.

Para população pediátrica.

Depois de radiomarcada com solução de pertecnetato de sódio (99mTc), a solução de tecnécio (99mTc) exametazima obtida é indicada para:

Neurologia
O tecnécio (99mTc) exametazima é indicado para utilização na tomografia por emissão de fotão único (SPECT).

Na SPECT de perfusão cerebral, o objetivo de diagnóstico é a deteção de anomalias do fluxo sanguíneo cerebral regional.
As seguintes indicações estão suficientemente documentadas:
Avaliação de doentes com doença cerebrovascular (especificamente AVC agudo, isquemia crónica e acidente isquémico transitório)
Lateralização pré-cirúrgica e localização de focos epileptogénicos.

Avaliação de doentes com suspeita de demência (especificamente doença de Alzheimer e demência frontotemporal)
Avaliação de doentes com enxaqueca
Técnica adjuvante no diagnóstico de morte cerebral
Doenças infecciosas ou inflamatórias
Em doenças infecciosas ou inflamatórias, o objetivo de diagnóstico são tecidos ou estruturas nos quais são retidos leucócitos marcados.

Em doenças infecciosas ou inflamatórias, as seguintes indicações estão suficientemente documentadas:
Localização de focos anormais que orientem o diagnóstico etiológico em caso de febre de etiologia desconhecida
Diagnóstico de infeção em caso de suspeita de osteomielite (com ou sem implantes) e suspeita de infeção de prótese da anca ou do joelho.

Deteção da extensão da inflamação em caso de doença intestinal inflamatória.


Classificação CFT
19.05.08     Radiofármacos de tecnécio
Mecanismo De Ação
Sem informação.
Posologia Orientativa
Adultos e população idosa
A margem de atividade sugerida para a administração por via intravenosa num doente
adulto com peso médio (70 kg) é:
- SPECT de perfusão cerebral: 350-500 MBq
- Para cintigrafia com leucócitos marcados: 200 MBq

Em crianças e adolescentes, a quantidade a administrar será adaptada ao peso da criança.
Administração
- SPECT de perfusão cerebral: uso por via intravenosa.
O radiofármaco não deve ser injetado menos de 10 minutos nem mais de 60 minutos após a reconstituição dos radioligandos.

- Para cintigrafia com leucócitos marcados: Os leucócitos são marcados in vitro e os leucócitos marcados posteriormente destinam-se a uso por via intravenosa.

Devido a potenciais danos nos tecidos, deve ser rigorosamente evitada a injeção extravascular deste produto radioativo.


Contraindicações
Hipersensibilidade ao Tecnécio (99mTc) exametazima.
Efeitos Indesejáveis/Adversos
As frequências dos efeitos indesejáveis definem-se como se segue:
Muito frequentes: afeta mais de 1 em cada 10 utilizadores,
Frequentes: afeta de 1 a 10 em cada 100 utilizadores,
Pouco frequentes: afeta de 1 a 10 em cada 1000 utilizadores,
Raros: afeta de 1 a 10 em cada 10 000 utilizadores,
Muito raros: afeta menos de 1 em cada 10 000 utilizadores,
Desconhecidos: a frequência não pode ser calculada a partir dos dados disponíveis.

Frequência desconhecida
Reações alérgicas:
Se tiver uma reação alérgica quando estiver no hospital ou numa clínica a realizar um exame, informe imediatamente o médico ou enfermeiro.

Os sintomas podem incluir:
• erupção cutânea ou rubor
• inchaço da face
• dificuldade em respirar.

Em casos mais graves, as reações podem incluir:
• desmaio (inconsciência) vertigens ou tonturas.

Outros efeitos secundários incluem:
Frequência desconhecida
• erupção cutânea granulosa com prurido
• cefaleias
• tonturas
• rubor
• enjoo (náusea)
• vómito
• sensação geral de mal-estar, fraqueza ou cansaço
• sensações não habituais de dormência, formigueiro, picadas, queimadura ou arrepio na pele.

Este radiofármaco irá fornecer quantidades reduzidas de radiação ionizante com um risco muito reduzido de cancro e malformações hereditárias.



Advertências
Gravidez
Gravidez:Não administrar durante a gravidez.
Aleitamento
Aleitamento:Se a administração for considerada necessária, a amamentação deve ser interrompida durante 12 horas e o leite excretado nesse período eliminado.
Precauções Gerais
Possibilidade de reações de hipersensibilidade e anafiláticas
Caso ocorram reações de hipersensibilidade ou anafiláticas, a administração do medicamento deve ser interrompida imediatamente e deve ser iniciado tratamento por via intravenosa, se necessário.

Para permitir uma intervenção imediata em caso de emergência, devem estar imediatamente disponíveis os medicamentos e equipamentos necessários, tais como tubo endotraqueal e ventilador.

Justificação benefício/risco individual
Para cada doente, a exposição à radiação deve ser justificável pelo benefício provável.

A atividade administrada deve, em todos os casos, ser o mais baixa possível de forma a ser obtida a informação de diagnóstico necessária.

Insuficiência renal ou hepática
Nestes doentes, é necessário considerar com precaução a relação risco/benefício, já que é possível que sofram um aumento da exposição à radiação.

População pediátrica
Informação sobre a utilização na população pediátrica ver posologia e administração.

É necessário considerar com precaução a indicação, já que a dose efetiva por MBq é mais elevada do que em adultos.

Preparação do doente
O doente deve estar bem hidratado antes do início do exame e deve proceder à evacuação com a maior frequência possível durante as primeiras horas após o exame de forma a reduzir a radiação.

SPECT de perfusão cerebral
Preferencialmente, os doentes devem evitar o excesso de estimulantes (tal como cafeína, colas e bebidas energéticas), o álcool, o tabaco e quaisquer substâncias que afetem o fluxo sanguíneo cerebral antes da obtenção das imagens.

Após o procedimento
Deve ser limitado o contacto próximo com bebés e mulheres grávidas durante as 12 horas iniciais após a injeção.

Advertências específicas
Este medicamento contém menos de 1 mmol de sódio (23 mg) por frasco, i.ex. essencialmente "isento de sódio".

Dependendo da hora a que a injeção é administrada ao doente, o teor de sódio dado ao doente pode, em alguns casos, ser superior a 1 mmol.

Isto deve ser tido em conta em doentes com uma dieta com baixo teor de sódio.

A preparação sem reconstituição com pertecnetato de sódio 99mTc não deve ser administrada aos doentes.

Apenas leucócitos marcados com Medi–exametazima reinjetados
Ao preparar leucócitos marcados com tecnécio (99mTc), é essencial que as células sejam lavadas para remover agentes de sedimentação antes de serem novamente injetadas no doente, pois os materiais utilizados na separação celular podem causar reações de hipersensibilidade.

A manipulação de células humanas (marcação de leucócitos) comporta o risco de potencial transmissão de infeções (HBV, VIH, etc.).



Cuidados com a Dieta
Preferencialmente, os doentes devem evitar o excesso de estimulantes (tal como cafeína, colas e bebidas energéticas), o álcool, o tabaco e quaisquer substâncias que afetem o fluxo sanguíneo cerebral antes da obtenção das imagens.
Terapêutica Interrompida
Este medicamento é administrado em meio hospitalar.
Cuidados no Armazenamento
Manter fora do alcance e da vista das crianças.

Conservar a 2-8°C.

Não congelar.

Conservar na embalagem de origem para proteger da luz.

Após a radiomarcação:
Não conservar acima de 25°C após radiomarcação.

Não refrigerar ou congelar
Espetro de Suscetibilidade e Tolerância Bacteriológica
Sem informação.
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.

Durante a gravidez, apenas devem ser realizados exames complementares de diagnóstico essenciais, nos casos em que o provável benefício excede de longe os riscos incorridos pela mãe e pelo feto.

Se a administração for considerada necessária, a amamentação deve ser interrompida durante 12 horas e o leite excretado nesse período eliminado.

A amamentação poderá ser reiniciada quando o nível no leite não causar uma dose de radiação para a criança superior a 1 mSv.

Durante este período deve ser limitado o contacto próximo com bebés.
Informação revista e atualizada pela equipa técnica do INDICE.EU em: 11 de Outubro de 2017