Peróxido de benzoílo

DCI com Advertência na Gravidez DCI com Advertência no Aleitamento DCI com Advertência na Condução
O que é
Peróxido de benzoílo tem um efeito antibacteriano.
Também tem um efeito de secagem suave, que permite que o excesso de óleo e sujidade possa ser facilmente removido da pele.
Peróxido de benzoílo (para a pele) é utilizado para tratar a acne.
Usos comuns
Peróxido de benzoílo destina-se ao tratamento tópico da acne ligeira a moderada nos locais onde predominam os comedões, as pápulas e as pústulas.
O Peróxido de benzoílo é adequado no tratamento da acne do rosto, do peito e costas.
Tipo
Molécula pequena.
História
Sem informação.
Indicações
Tratamento da Acne vulgaris.
Classificação CFT

13.04.02.01 : De aplicação tópica

Mecanismo De Acção
O peróxido de benzoílo apresenta uma actividade antimicrobiana (de largo espectro), anti-inflamatória, queratolítica e comedolítica.

Como antimicrobiano, actua particularmente sobre o Propionibacterium acnes, o qual está presente em quantidades elevadas nos folículos pilosos afectados pela acne.

Apresenta também a vantagem de não promover o desenvolvimento de resistências.
Posologia Orientativa
Aplicar 1 a 2 vezes/dia.
Administração
Via cutânea.
Contra-Indicações
Hipersensibilidade ao Peróxido de benzoílo.
Evitar o contacto com os olhos e mucosas.
Efeitos Indesejáveis/Adversos
Irritação cutânea; pode descorar os cabelos e a roupa.
Advertências
Aleitamento
Aleitamento
Aleitamento:Deve fazer-se uma aplicação cuidadosa do Peróxido de benzoílo em mulheres que amamentam evitando a zona do peito e, consequentemente, uma passagem acidental para o lactante.
Gravidez
Gravidez
Gravidez:Embora se considere que a utilização do Peróxido de benzoílo durante a gravidez é segura, não deverá ser utilizado por grávidas a não ser que haja recomendação médica expressa.
Condução
Condução
Condução:Tendo por base o perfil farmacodinâmico e a extensa experiência clínica com o peróxido de benzoílo, os efeitos sobre a capacidade de conduzir e utilizar máquinas são nulos ou desprezáveis.
Precauções Gerais
Aquando da primeira aplicação do produto poderá sentir uma leve sensação de ardor, assim como uma vermelhidão moderada acompanhada de descamação da pele.
Estes sintomas normalmente persistem durante 1 ou 2 dias depois do tratamento ser interrompido.

Se surgir uma irritação grave, dever-se-á diminuir a frequência de aplicação ou interromper a terapêutica temporariamente ou de forma permanente dependendo da gravidade da irritação.

Por ocasião das primeiras aplicações convém, para testar a sensibilidade individual, efectuar um ensaio repetido sobre uma pequena superfície cutânea (ensaio preliminar).

Peróxido de benzoílo não deve entrar em contacto com os olhos, boca, narinas ou membranas mucosas.
Em qualquer uma destas ocorrências, lavar abundantemente com água tépida.

A aplicação de peróxido de benzoílo no pescoço ou outras zonas sensíveis deverá ser cuidadosa.

Não use peróxido de benzoílo tópico sobre a pele queimada, seca, rachada, irritada ou quebrada.
Também evite usar peróxido de benzoílo tópico em feridas ou em áreas de eczema.
Espere até que estas condições desaparecerem antes de usar este medicamento.

Evite usar produtos de pele que podem causar irritação, tais como sabões ásperos, champôs, soluções de limpeza de pele, coloração de cabelo ou produtos químicos permanentes, produtos de depilação, produtos para a pele com álcool, com especiarias, adstringentes, ou com lima.

Não utilize outros produtos medicamentosos para a pele a menos que o médico lhe tenha dito para tal.

Evitar a exposição repetida ao sol ou a radiações UV.
Evite o uso de protector solar contendo PABA na mesma pele tratada com peróxido de benzoílo ou descoloração da pele podem ocorrer.

O peróxido de benzoílo, pode descolorar certos tecidos com fibras coloridas e branqueia o cabelo.
Cuidados com a Dieta
Sem informação.
Terapêutica Interrompida
Use a dose logo que se lembrar. Ignorar a dose esquecida se for quase hora da sua próxima dose. Não use medicamento extra para compensar a dose esquecida.
Cuidados no Armazenamento
Não conservar acima de 25°C.

Mantenha todos os medicamentos fora do alcance de crianças e animais de estimação.

Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu médico, enfermeiro ou farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidas ajudarão a proteger o ambiente.
Espectro de susceptibilidade e Tolerância Bacteriológica
Sem informação.
Sem efeito descrito

Adapaleno Peróxido de benzoílo

Observações: O Adapaleno creme possui um potencial de irritação local ligeiro e, por este motivo, é possível que o uso simultâneo de agentes de descamação, produtos de limpeza abrasivos, agentes secantes, adstringentes ou rodutos irritantes (agentes aromáticos e alcoólicos) possa causar efeitos aditivos de irritação.
Interacções: Os tratamentos tópicos antiacne, como por exemplo as soluções de eritromicina (até 4%) ou fosfato de clindamicina (1% como base) ou géis aquosos de peróxido de benzoílo até 10%, podem ser aplicados de manhã, sendo o adapaleno creme aplicado à noite, dado que não há degradação mútua ou irritação cumulativa. - Peróxido de benzoílo
Sem significado Clínico

Hidroquinona Peróxido de benzoílo

Observações: n.d.
Interacções: A utilização concomitante da hidroquinona com peróxidos (como peróxido de hidrogénio ou de benzoílo) pode produzir uma coloração temporária da pele, devido à oxidação da substância activa. Esta coloração temporária elimina-se com a interrupção de um destes produtos e com a lavagem da zona de aplicação com um sabonete suave. - Peróxido de benzoílo
Não recomendado/Evitar

Eritromicina + Isotretinoína Peróxido de benzoílo

Observações: Não foram realizados estudos formais de interacção fármaco-fármaco com Eritromicina/Isotretinoína. Não existem dados clínicos disponíveis. Se for necessária terapêutica de combinação, os produtos devem ser aplicados a horas do dia diferentes (por exemplo, um de manhã e o outro à noite).
Interacções: A aplicação concomitante de agentes oxidantes, tais como o peróxido de benzoílo, deve ser evitada uma vez que pode reduzir a eficácia da isotretinoína tópica. - Peróxido de benzoílo
Consultar informação actualizada

Clindamicina + Peróxido de benzoílo Peróxido de benzoílo

Observações: Não foram realizados estudos formais de interacção fármaco-fármaco com Clindamicina/Peróxido de benzoílo.
Interacções: A utilização simultânea de preparações tópicas contendo peróxido de benzoílo e medicamentos tópicos contendo sulfonamidas pode causar uma alteração temporária da cor da pele e dos pelos faciais (amarelo/laranja). - Peróxido de benzoílo
Contraindicado

Peróxido de benzoílo Medicamentos/Produtos de aplicação tópica

Observações: n.d.
Interacções: Não são conhecidas interacções com outros medicamentos que possam ser usados por via tópica e em simultâneo com o Peróxido de benzoílo. No entanto, produtos com acção descamativa, irritante ou desidratante não devem ser utilizados concomitantemente com este medicamento. - Medicamentos/Produtos de aplicação tópica
Usar com precaução

Hidroquinona + Ácido Glicólico Peróxido de benzoílo

Observações: n.d.
Interacções: O uso combinado de hidroquinona com produtos contendo peróxido de benzoíla, água oxigenada, e bicarbonato de sódio podem provocar um escurecimento transitório da pele nas regiões tratadas. Este escurecimento pode ser revertido pela descontinuação do uso concomitante das preparações e pela limpeza normal das áreas atingidas. - Peróxido de benzoílo
Identificação dos símbolos utilizados na descrição das Interacções do Peróxido de benzoílo
Informe o seu Médico ou Farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica (OTC), Produtos de Saúde, Suplementos Alimentares ou Fitoterapêuticos.

Embora se considere que a utilização do Peróxido de benzoílo durante a gravidez é segura, não deverá ser utilizado por grávidas a não ser que haja recomendação médica expressa.

Não se sabe se o peróxido de benzoílo é excretado no leite animal ou humano.
Tendo em conta que muitos fármacos são excretados no leite humano, deve fazer-se uma aplicação cuidadosa do Peróxido de benzoílo em mulheres que amamentam evitando a zona do peito e, consequentemente, uma passagem acidental para o lactante.

Tendo por base o perfil farmacodinâmico e a extensa experiência clínica com o peróxido de benzoílo, os efeitos sobre a capacidade de conduzir e utilizar máquinas são nulos ou desprezáveis.
Informação revista e actualizada pela equipa técnica do INDICE.EU em: 11 de Novembro de 2021