Fluoreto de sódio

DCI com Advertência na Gravidez DCI com Advertência no Aleitamento
O que é
O fluoreto de sódio é um mineral.
Fluoreto de sódio é um sal inorgânico, haleto alcalino, de fórmula mínima NaF, derivado do HF.
Trata-se de um pó cristalino branco em condições ambientes, solúvel em água e parcialmente solúvel em etanol, apresenta densidade de 2,56 g/cm³, ponto de fusão de 993°C e ponto de ebulição de 1695°C.

É usado na prevenção de cáries dentárias, e na fabricação de pastas de dentes e inseticidas, na fluoretação de água potável, e como preservante de madeira.
Usos comuns
O fluoreto de sódio na forma oral ou tópica é indicado para a prevenção e controle da cárie dentária e para a manutenção da saúde bucal.
Suplementos de flúor na forma de comprimidos e outras fórmulas podem ser prescritos para prevenir a cárie dentária de alto risco crianças de 6 meses a 16 anos cuja fonte de água potável contém baixas concentrações de flúor.
Tipo
Molécula pequena.
História
Os benefícios do fluoreto de sódio na saúde bucal foram observados pela primeira vez na década de 1930, quando os indivíduos em comunidades com água potável fluoretada mostraram menos cáries do que aquelas sem água fluoretada.
O uso do flúor na prática odontológica teve início na década de 1940.
Indicações
Para a prevenção da cárie em crianças e adultos.
Classificação CFT

06.01.01 : De aplicação tópica

Mecanismo De Acção
A prevenção da cárie dentária pelo fluoreto tópico é alcançada por vários mecanismos.
O fluoreto de sódio mata as bactérias causadoras da cárie, como o Streptococcus mutans e os lactobacilos, interferindo em suas actividades metabólicas que resultam na formação de ácido lático.
Os iãos de flúor inibem as enzimas glicolíticas e outras enzimas envolvidas no metabolismo bacteriano.
Altera a permeabilidade das membranas celulares, diminuindo o pH no citoplasma da célula, levando a uma diminuição da acidez, que normalmente está implicada na cárie dentária.

Quando administrado em baixas doses tópicas, o flúor na saliva e na placa e na saliva previne a desmineralização do esmalte do dente saudável enquanto remineraliza os dentes que foram previamente desmineralizados.
O fluoreto de sódio é absorvido pela superfície dos cristais de hidroxiapatita dos dentes, necessários para a mineralização.
Isso torna os dentes mais resistentes à desmineralização, alterando a solubilidade do cristal de apatita.
O fluoreto de sódio inibe a desmineralização dos dentes de maneira relacionada ao pH.
Quando usado em altas doses, em formulações como os vernizes ou géis fluoretados, o fluoreto de sódio forma uma camada na superfície do esmalte dentário.
Quando o pH da boca é reduzido devido à produção de ácido por bactérias como S.mutans, o flúor é libertado, interferindo no metabolismo bacteriano, e então age remineralizando os dentes.
Posologia Orientativa
Dose recomendada para uma aplicação única:
Para dentes de leite: até 0.25 ml (=5.65 mg de fluoreto);
Para dentição mista: até 0.40 ml (=9.04 mg de fluoreto);
Para dentição permanente: até 0.75 ml (=16.95 mg de fluoreto).

Para a profilaxia da cárie a aplicação é normalmente repetida de 6 em 6 meses, embora possam fazer-se aplicações mais frequentes (cada 3 meses).

Na hipersensibilidade devem fazer-se 2 ou 3 aplicações no intervalo de alguns dias.

O doente não deve escovar os dentes ou mastigar alimentos durante 4 horas após o tratamento.
Administração
Via oral; Uso dentário.
Contra-Indicações
Não usar o fluoreto de sódio se:
– for alérgico a qualquer ingrediente de fluoreto de sódio;
– a água potável tiver um teor de flúor acima de 0,6 partes por milhão (ppm).
Efeitos Indesejáveis/Adversos
Quando usado em pequenas doses, não foram relatados efeitos colaterais comuns com o fluoreto de sódio.

Deve procurar ajuda médica imediatamente se algum destes efeitos secundários graves ocorrerem:
reacções alérgicas graves (rash, urticária, comichão, dificuldade em respirar; aperto no peito, inchaço da boca, face, lábios ou língua).
Advertências
Gravidez
Gravidez
Gravidez:O flúor tópico deve ser administrado durante a gravidez, quando a necessidade for claramente estabelecida.
Aleitamento
Aleitamento
Aleitamento:Não existem dados sobre a excreção de flúor no leite humano. Como muitos medicamentos são excretados no leite, recomenda-se cautela se produtos contendo flúor forem administrados a mulheres que amamentam.
Precauções Gerais
Não exceder a dose recomendada pelo médico ou dentista.

Notifique o dentista se os dentes ficarem às manchas ou manchados.

O fluoreto de sódio não é recomendado para uso em crianças menores de 6 meses de idade; a segurança e eficácia neste grupo etário não foram confirmadas.

Aconselha-se precaução quando se utiliza fluoreto de sódio em crianças menores de 6 anos de idade.

A dose apropriada de fluoreto de sódio depende da idade da criança e da quantidade de flúor na água potável.

Fale com o médico se tiver dúvidas sobre a dose adequada para o seu filho ou a quantidade de flúor na sua água potável.

Não tome um antiácido que contenha alumínio, cálcio, ou magnésio dursnte várias horas após tomar o fluoreto de sódio.
Cuidados com a Dieta
O fluoreto de sódio pode ser tomado com ou sem alimentos.

Não comer ou beber produtos láteos a partir de 1 hora antes e 2 horas depois de tomar o fluoreto de sódio.
Terapêutica Interrompida
Se for esquecida uma dose de fluoreto de sódio, tome-a assim que possível.
Se for quase altura da próxima dose, não use a dose e volte ao esquema posológico regular.
Cuidados no Armazenamento
Conservar o Fluoreto de sódio à temperatura ambiente, entre 20 e 25 graus C (68 e 77 graus F), num recipiente bem fechado.
Um breve armazenamento a temperaturas entre 15 e 30 graus C (59 e 86 graus F) é permitida.
Armazenar longe do calor, humidade e luz.
Não armazenar na casa de banho.

Manter o fluoreto de sódio fora do alcance das crianças e longe de animais de estimação.
Espectro de susceptibilidade e Tolerância Bacteriológica
Sem informação.
Contraindicado

Fluoreto de sódio Cálcio

Observações: n.d.
Interacções: A absorção do flúor está relacionada com a solubilidade do composto ingerido. A absorção é, assim, inibida pelo cálcio, magnésio ou alumínio. O Fluoreto de sódio não deve, portanto, ser administrado com leite ou derivados nem com antiácidos contendo sais de cálcio, alumínio ou magnésio. - Cálcio
Contraindicado

Fluoreto de sódio Magnésio

Observações: n.d.
Interacções: A absorção do flúor está relacionada com a solubilidade do composto ingerido. A absorção é, assim, inibida pelo cálcio, magnésio ou alumínio. O Fluoreto de sódio não deve, portanto, ser administrado com leite ou derivados nem com antiácidos contendo sais de cálcio, alumínio ou magnésio. - Magnésio
Contraindicado

Fluoreto de sódio Alumínio

Observações: n.d.
Interacções: A absorção do flúor está relacionada com a solubilidade do composto ingerido. A absorção é, assim, inibida pelo cálcio, magnésio ou alumínio. O Fluoreto de sódio não deve, portanto, ser administrado com leite ou derivados nem com antiácidos contendo sais de cálcio, alumínio ou magnésio. - Alumínio
Contraindicado

Fluoreto de sódio Antiácidos

Observações: n.d.
Interacções: A absorção do flúor está relacionada com a solubilidade do composto ingerido. A absorção é, assim, inibida pelo cálcio, magnésio ou alumínio. O Fluoreto de sódio não deve, portanto, ser administrado com leite ou derivados nem com antiácidos contendo sais de cálcio, alumínio ou magnésio. - Antiácidos
Usar com precaução

Carbonato de cálcio Fluoreto de sódio

Observações: n.d.
Interacções: Em caso de tratamento com produtos à base de fluoreto de sódio é aconselhável tomar o cálcio separadamente do fluoreto de sódio. - Fluoreto de sódio
Usar com precaução

Hidróxido de alumínio + Hidróxido de magnésio Fluoreto de sódio

Observações: n.d.
Interacções: Os antiácidos contendo alumínio podem impedir a absorção adequada de outros medicamentos: antagonistas H-2, atenolol, bifosfonatos, cloroquina, cetoconazol, ciclinas, diflunisal, digoxina, etambutol, fluoroquinolonas, fluoreto de sódio, glucocorticóides, indometacina, isoniazida, lincosamidas, metoprolol, neurolépticos, fenotiazinas, penicilamina, propranolol, sais de ferro. Recomenda-se alternar a administração destes medicamentos e do Hidróxido de alumínio/Hidróxido de magnésio com pelo menos 2 horas de intervalo (4 horas para as fluoroquinolonas) a fim de minimizar a ocorrência de interacções indesejáveis. Os sais de citrato e o ácido ascórbico poderão aumentar a absorção de alumínio. - Fluoreto de sódio
Usar com precaução

Hidróxido de alumínio + Hidróxido de magnésio + Simeticone Fluoreto de sódio

Observações: n.d.
Interacções: Os antiácidos contendo alumínio podem impedir a absorção adequada de outros medicamentos tais como antagonistas H2, atenolol, cefedinir, cefpodoxima, bifosfonatos, cloroquina, cetoconazol, ciclinas, diflunisal, digoxina, etambutol, fluoroquinolonas, fluoreto de sódio, glucocorticoides, indometacina, isoniazida, polistireno sulfonato de sódio (kayexalate), levotiroxina, lincosamidas, metoprolol, neurolépticos, fenotiazinas, penicilamina, propranolol, rosuvastatina, sais de ferro. Recomenda-se alternar a administração destes medicamentos e do antiácido com pelo menos 2 horas de intervalo (4 horas para as fluoroquinolonas) a fim de minimizar a ocorrência de interacções indesejáveis. - Fluoreto de sódio
Usar com precaução

Aspartato de magnésio Fluoreto de sódio

Observações: n.d.
Interacções: Para evitar a diminuição mútua na absorção, Aspartato de magnésio deve ser administrado com pelo menos 3 a 4 horas de intervalo em relação a tetraciclinas, bifosfonatos ou preparações de fluoreto de sódio. - Fluoreto de sódio
Usar com precaução

Carbonato de cálcio + Colecalciferol Fluoreto de sódio

Observações: n.d.
Interacções: Uso concomitante que requer precauções: Bisfosfonato, fluoreto de sódio: Aconselha-se deixar um período mínimo de duas horas antes de tomar o cálcio (risco de redução da absorção gastrointestinal do bisfosfonato e do fluoreto de sódio). - Fluoreto de sódio
Redutora do efeito Terapêutico/Tóxico

Carbonato de cálcio + Lactogluconato de cálcio Fluoreto de sódio

Observações: n.d.
Interacções: Se for utilizado concomitantemente um bifosfonato oral ou fluoreto de sódio oral, esta preparação deve ser administrada pelos menos três horas antes da toma de Carbonato de cálcio / Lactogluconato de cálcio, uma vez que a absorção gastrointestinal quer de bifosfonato oral ou de fluoreto de sódio oral pode ser reduzida. - Fluoreto de sódio
Contraindicado

Fluoreto de sódio Leite/lacticínios

Observações: n.d.
Interacções: A absorção do flúor está relacionada com a solubilidade do composto ingerido. A absorção é, assim, inibida pelo cálcio, magnésio ou alumínio. O Fluoreto de sódio não deve, portanto, ser administrado com leite ou derivados nem com antiácidos contendo sais de cálcio, alumínio ou magnésio. - Leite/lacticínios
Usar com precaução

Fosfato tricálcico + Colecalciferol Fluoreto de sódio

Observações: n.d.
Interacções: Em caso de tratamento concomitante com bifosfonatos ou com fluoreto de sódio, é recomendado fazer um intervalo mínimo de duas horas antes da administração de Fosfato tricálcico / Colecalciferol (risco de redução da absorção gastrintestinal dos bifosfonatos e do fluoreto de sódio). - Fluoreto de sódio
Redutora do efeito Terapêutico/Tóxico

Pidolato de magnésio Fluoreto de sódio

Observações: n.d.
Interacções: Pidolato de magnésio pode também diminuir a absorção das tetraciclinas, bisfosfonatos, quinolonas, azitromicina ou preparações de fluoreto de sódio. Espaçar a administração com Pidolato de magnésio em 2 a 3 horas. - Fluoreto de sódio
Usar com precaução

Alginato de sódio + Bicarbonato de sódio Fluoreto de sódio

Observações: Os antiácidos interagem com outros medicamentos tomados por via oral.
Interacções: Precauções de uso com outras combinações Houve uma diminuição na absorção digestiva dos medicamentos administrados simultaneamente. Para medidas de precaução, não é recomendável tomar medicamentos antiácidos ao mesmo tempo que outros medicamentos. Afaste a dose deste medicamento durante 2 horas com: - TB antibacteriana (etambutol, isoniazida) - Antibacterianos - Tetraciclinas - Antibacterianos - lincosanidas - Anti-histamínicos H2 (oralmente) - Atenolol, metoprolol, propranolol (oralmente) - Cloroquina - Diflunisal - Digoxina - Difosfonatos - Fluoreto de sódio - Glicocorticóides (descritos para prednisolona e dexametasona) - Indometacina - Kayexalate - Cetoconazol - Lansoprazol - Neurolépticos fenotiazínicos - Penicilamina - Ferro (sais) Afaste a dose deste medicamento ao longo de 4 horas com: - Antibacterianos - Fluoroquinolonas (oralmente) Combinações para estar ciente de: - Salicilatos: Aumento da excreção renal por aspirina pela alcalinização da urina. - Fluoreto de sódio
Redutora do efeito Terapêutico/Tóxico

Ibuprofeno + Alumínio glicinato + Metamizol Fluoreto de sódio

Observações: n.d.
Interacções: Devido ao alumínio: Reduz a absorção de: ac. tiludrónico, alopurinol, AINEs, atorvastatina, betabloqueadores, captopril, carbenoxolona, digoxina, digitoxina, clorpromazina, epoetina, cetoconazol, levotiroxina, prednisona, etambutol, gabapentina, isoniazida, metronidazol, penicilamina, ciprofloxacina, norfloxacina, ranitidina, sais de Fe, tetraciclinas, cloroquina, ciclinas, diflunisal, bifosfonatos, fluoreto de Na, glicocorticoides, kayexalato, lincosamidas, fenotiazinas e neuroléticos. Administração separada 2-3 h (fluorquinolonas 4 h). - Fluoreto de sódio
Identificação dos símbolos utilizados na descrição das Interacções do Fluoreto de sódio
Informe o seu Médico ou Farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica (OTC), Produtos de Saúde, Suplementos Alimentares ou Fitoterapêuticos.

A forte exposição ao flúor durante o desenvolvimento in utero pode resultar em fluorose esquelética, que se torna evidente na infância.

O flúor tópico deve ser administrado durante a gravidez, quando a necessidade for claramente estabelecida.

Não existem dados sobre a excreção de flúor no leite humano. Como muitos medicamentos são excretados no leite, recomenda-se cautela se produtos contendo flúor forem administrados a mulheres que amamentam.
Informação revista e actualizada pela equipa técnica do INDICE.EU em: 11 de Novembro de 2021