Dexclorofeniramina

DCI com Advertência na Gravidez DCI com Advertência no Aleitamento DCI com Advertência na Condução
O que é
Dexclorofeniramina (ou dexclorfeniramina) é um anti-histamínico.

Dexclorfeniramina bloqueia os efeitos da histamina química que ocorre naturalmente no organismo.
Usos comuns
Dexclorfeniramina é usada para tratar espirros, nariz gotejando, comichão, olhos lacrimejantes, urticária, erupções cutâneas, comichão, e outros sintomas de alergias e da constipação comum.
Tipo
Sem informação.
História
Sem informação.
Indicações
Reações de hipersensibilidade e afecções pruriginosas cutâneas.

É um constituinte comum das preparações para a tosse e constipação.
Classificação CFT

10.1.1 : Anti-histamínicos H1 sedativos

Mecanismo De Acção
Sem informação.
Posologia Orientativa
Adultos - 2 mg, a cada 4-6 horas até 24 mg/dia.
Preparações de libertação gradual: 4 a 6 mg à noite.

Crianças - 2 a 5 anos: 0,5 mg, a cada 4-6 horas; 6 a 12 anos: 1,2 mg cada 4-6 horas.
Preparações de libertação gradual: 6 a 12 anos: 4 mg, 1 vez/dia, à noite.
Administração
Via oral.

Tome cada dose com um copo cheio de água.
Dexclorfeniramina pode ser tomada com ou sem alimentos.
Engula os comprimidos inteiros, pois são especialmente formulados para libertar a substância lentamente no organismo.
Contra-Indicações
Hipersensibilidade à Dexclorofeniramina.
Não deve ser usado em bebés prematuros ou recém-nascidos.
Os idosos também são muito susceptíveis aos efeitos adversos.
Deve ser evitado em Pacientes com glaucoma de ângulo estreito, retenção urinária, hipertrofia prostática ou obstrução piloroduodenal.
Não utilizar durante a gravidez.

Fibroplasia retrolental nos prematuros cujas mães tomaram o anti-histamínico nas 2 últimas semanas.
Efeitos Indesejáveis/Adversos
Sedação, incoordenação, acções antimuscarínicas, náuseas, vómitos, diarreia ou obstipação, reacções de hipersensibilidade, eventualmente alterações sanguíneas.
Advertências
Condução
Condução
Condução:Os efeitos de Dexclorofeniramina sobre a capacidade de conduzir e utilizar máquinas são moderados. Dexclorofeniramina pode causar sonolência, os doentes devem ser advertidos para não realizar operações mecânicas que exigem concentração máxima, como dirigir ou operar equipamentos e máquinas.
Gravidez
Gravidez
Gravidez:Dexclorofeniramina está contra-indicada durante o terceiro trimestre de gravidez.
Aleitamento
Aleitamento
Aleitamento:Dexclorofeniramina não deve ser usada durante a amamentação.
Precauções Gerais
Use álcool com cautela. O álcool pode aumentar a sonolência e tonturas enquanto estiver a tomar Dexclorfeniramina.
Cuidados com a Dieta
Não deve ingerir bebidas alcoólicas.
Terapêutica Interrompida
Tome a dose assim que se lembrar.
No entanto, se estiver quase na hora da sua próxima dose, ignore a dose esquecida e tome apenas a dose regularmente programada seguinte.

Não tome uma dose dupla dessa medicação salvo indicado pelo seu Médico.
Cuidados no Armazenamento
Guarde Dexclorofeniramina à temperatura ambiente longe da humidade e do calor.

Mantenha todos os medicamentos fora do alcance de crianças e animais de estimação.

Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu médico, enfermeiro ou farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidas ajudarão a proteger o ambiente.
Espectro de susceptibilidade e Tolerância Bacteriológica
Sem informação.
Contraindicado

Dexclorofeniramina Sedativos

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Associações com outros depressores do sistema nervoso central (sedativos antidepressores). Aumento na depressão central. Deterioração do estado de alerta que poderia tornar perigosa a condução e operação de máquinas. - Sedativos
Contraindicado

Dexclorofeniramina Barbitúricos

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Associações com outros depressores do sistema nervoso central (barbitúricos). Aumento na depressão central. Deterioração do estado de alerta que poderia tornar perigosa a condução e operação de máquinas. - Barbitúricos
Contraindicado

Dexclorofeniramina Benzodiazepinas

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Associações com outros depressores do sistema nervoso central (benzodiazepínas). Aumento na depressão central. Deterioração do estado de alerta que poderia tornar perigosa a condução e operação de máquinas. - Benzodiazepinas
Contraindicado

Dexclorofeniramina Clonidina

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Associações com outros depressores do sistema nervoso central (clonidina). Aumento na depressão central. Deterioração do estado de alerta que poderia tornar perigosa a condução e operação de máquinas. - Clonidina
Contraindicado

Dexclorofeniramina Hipnóticos

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Associações com outros depressores do sistema nervoso central (hipnóticos). Aumento na depressão central. Deterioração do estado de alerta que poderia tornar perigosa a condução e operação de máquinas. - Hipnóticos
Contraindicado

Dexclorofeniramina Morfina

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Associações com outros depressores do sistema nervoso central (derivados morfínicos (analgésicos e Antitússicos)). Aumento na depressão central. Deterioração do estado de alerta que poderia tornar perigosa a condução e operação de máquinas. - Morfina
Contraindicado

Dexclorofeniramina Metadona

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Associações com outros depressores do sistema nervoso central (metadona). Aumento na depressão central. Deterioração do estado de alerta que poderia tornar perigosa a condução e operação de máquinas. - Metadona
Contraindicado

Dexclorofeniramina Neurolépticos

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Associações com outros depressores do sistema nervoso central (neuroléticos). Aumento na depressão central. Deterioração do estado de alerta que poderia tornar perigosa a condução e operação de máquinas. Adição dos efeitos secundários atropínicos como retenção urinária, obstipação e secura da boca. - Neurolépticos
Contraindicado

Dexclorofeniramina Ansiolíticos

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Associações com outros depressores do sistema nervoso central (ansiolíticos). Aumento na depressão central. Deterioração do estado de alerta que poderia tornar perigosa a condução e operação de máquinas. - Ansiolíticos
Contraindicado

Dexclorofeniramina Atropina

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Atropina e outras substâncias atropínicas (antidepressores do tipo da imipramina, antiparkinsonianos, anticolinérgicos, antiespasmódicos atropínicos, disopiramida, neuroléticos fenotiazínicos). Adição dos efeitos secundários atropínicos como retenção urinária, obstipação e secura da boca. - Atropina
Contraindicado

Dexclorofeniramina Imipramina

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Atropina e outras substâncias atropínicas (antidepressores do tipo da imipramina, antiparkinsonianos, anticolinérgicos, antiespasmódicos atropínicos, disopiramida, neuroléticos fenotiazínicos). Adição dos efeitos secundários atropínicos como retenção urinária, obstipação e secura da boca. - Imipramina
Contraindicado

Dexclorofeniramina Anticolinérgicos

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Atropina e outras substâncias atropínicas (antidepressores do tipo da imipramina, antiparkinsonianos, anticolinérgicos, antiespasmódicos atropínicos, disopiramida, neuroléticos fenotiazínicos). Adição dos efeitos secundários atropínicos como retenção urinária, obstipação e secura da boca. - Anticolinérgicos
Contraindicado

Dexclorofeniramina Antiespasmódicos (espasmolítico, antiespástico)

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Atropina e outras substâncias atropínicas (antidepressores do tipo da imipramina, antiparkinsonianos, anticolinérgicos, antiespasmódicos atropínicos, disopiramida, neuroléticos fenotiazínicos). Adição dos efeitos secundários atropínicos como retenção urinária, obstipação e secura da boca. - Antiespasmódicos (espasmolítico, antiespástico)
Contraindicado

Dexclorofeniramina Disopiramida

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Atropina e outras substâncias atropínicas (antidepressores do tipo da imipramina, antiparkinsonianos, anticolinérgicos, antiespasmódicos atropínicos, disopiramida, neuroléticos fenotiazínicos). Adição dos efeitos secundários atropínicos como retenção urinária, obstipação e secura da boca. - Disopiramida
Usar com precaução

Dexclorofeniramina Álcool

Observações: n.d.
Interacções: Utilização concomitante não recomendada com álcool: Aumento dos efeitos sedativos dos anti-histamínicos H1 com álcool. A alteração da vigília pode tornar perigosa a condução de veículos e a utilização de máquinas. Evitar o uso de bebidas alcoólicas ou medicamentos contendo álcool. - Álcool
Contraindicado

Dexclorofeniramina Antiparkinsónicos

Observações: n.d.
Interacções: Contraindicações da utilização concomitante: Atropina e outras substâncias atropínicas (antidepressores do tipo da imipramina, antiparkinsonianos, anticolinérgicos, antiespasmódicos atropínicos, disopiramida, neuroléticos fenotiazínicos). Adição dos efeitos secundários atropínicos como retenção urinária, obstipação e secura da boca. - Antiparkinsónicos
Identificação dos símbolos utilizados na descrição das Interacções da Dexclorofeniramina
Informe o seu Médico ou Farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica (OTC), Produtos de Saúde, Suplementos Alimentares ou Fitoterapêuticos.

Dexclorofeniramina está contra-indicada durante o terceiro trimestre de gravidez.
Durante o primeiro trimestre da gravidez: estudos em animais não demonstraram nenhuma evidência de teratogenicidade.

Dexclorofeniramina tem sido identificada em recém-nascidos e crianças amamentadas por mulheres tratadas.
Não existem informações suficientes sobre os efeitos da dexclorofeniramina em recém-nascidos e crianças.
Dexclorofeniramina não deve ser usada durante a amamentação.

Os efeitos de Dexclorofeniramina sobre a capacidade de conduzir e utilizar máquinas são moderados.
Dexclorofeniramina pode causar sonolência, os doentes devem ser advertidos para não realizar operações mecânicas que exigem concentração máxima, como dirigir ou operar equipamentos e máquinas.
Informação revista e actualizada pela equipa técnica do INDICE.EU em: 11 de Novembro de 2021