Decitabina

DCI com Advertência na Gravidez DCI com Advertência no Aleitamento DCI com Advertência na Condução
O que é
A Decitabina é indicada para o tratamento de pacientes com síndrome mielodisplásica (SMD).

É um análogo químico da citidina, um nucleosídeo presente no DNA e RNA.

Na presença de Decitabina as células incorporam o ADN durante a replicação e RNA durante a transcrição.

A incorporacção de Decitabina no ADN ou ARN inibe a metiltransferase provocando deste modo a desmetilação nessa sequência.

Isto afecta adversamente a maneira que as proteínas celulares de regulalação são capazes de se ligar ao substrato de ADN / ARN.
Usos comuns
A Decitabina é utilizada para tratar síndromes mielodisplásicas (certos tipos de cancro de sangue ou da medula óssea).
Tipo
Molécula pequena.
História
Sem informação.
Indicações
Está indicada para o tratamento de doentes adultos com idade igual ou inferior a 65 anos com leucemia mielóide aguda (LMA) recentemente diagnosticada ou secundária, de acordo com a classificacção da Organizacção Mundial de Saúde (OMS), que não são elegíveis para padrão da quimioterapia de indução.
Classificação CFT

16.01.03 : Antimetabólitos

Mecanismo De Acção
Acredita-se que a Decitabina exerce os seus efeitos antineoplásicos após a sua conversão para o trifosfato de Decitabina, em que o medicamento se incorpora directamente no ADN e inibe a metiltransferase de ADN, a enzima responsável pela metilação de ADN sintetizada de novo nas células de mamíferos.

Isto resulta em hipometilação do ADN e da diferenciação celular ou apoptose.

A Decitabina inibe a metilação de ADN in vitro, o que é conseguido em concentrações que não causam maior supressão da síntese de ADN.

A hipometilação induzida por Decitabina em células neoplásicas pode restaurar a função normal dos genes que são críticos para o controlo de diferenciação e proliferação celular.

Nas células que se dividem rapidamente, a citotoxicidade de Decitabina também pode ser atribuída à formação de adutos covalentes entre DNA metiltransferase e a Decitabina que foi incorporada no ADN.

As células não proliferadas são relativamente insensíveis à Decitabina. A Decitabina é específica do ciclo celular e actua perifericamente na fase S do ciclo celular. Não inibe a progressão de células a partir da fase G1 para S.
Posologia Orientativa
Num ciclo de tratamento, é administrada numa dose de 20mg/m2 de área de superfície corporal por perfusão intravenosa durante 1 hora, diariamente, durante 5 dias consecutivos (i.e. um total de 5 doses por ciclo de tratamento).

A dose diária total não deve exceder 20mg/m2 e a dose total por ciclo de tratamento não deve exceder 100mg/m2.
Administração
O tratamento deve ser iniciado sob a supervisão de médicos experientes na utilização de agentes quimioterapêuticos.

É administrado por perfusão intravenosa. Não é necessário um cateter venoso central.
A solução é administrada na veia (sob a forma de perfusão) durante uma hora.
Contra-Indicações
Hipersensibilidade à decitabina.
Efeitos Indesejáveis/Adversos
Se tiver algum dos seguintes efeitos indesejáveis graves, informe imediatamente o médico ou enfermeiro
- Febre: isto pode ser um sinal de infecção provocada por níveis baixos de glóbulos brancosno sangue(muito frequente).
- Dor no peito ou falta de ar (com ou sem febre ou tosse): podem ser sinais de uma infecção pulmonar denominada “pneumonia” (muito frequente) ou pulmões inflamados (doença pulmonar intersticial [frequência desconhecida]) ou cardiomiopatia (doença do músculo cardíaco [pouco frequente] que pode ser acompanhada de inchaço dos tornozelos, mãos, pernas e pés.
- Hemorragia: incluindo sangue nas fezes. Isto pode ser um sinal de hemorragia no estômago ou intestino (frequente).
- Dificuldade em mover-se, falar, compreender ou ver; dor de cabeça forte e súbita, convulsões, dormência ou fraqueza em qualquer parte do corpo. Estes podem ser sinais de hemorragia dentro da sua cabeça (frequente).
- Dificuldade em respirar, inchaço dos lábios, comichão ou erupção na pele. Isto pode ser devido a uma reacção alérgica (hipersensibilidade [frequente]).
- reacção imune grave (síndrome de diferenciação) que pode causar febre, tosse, dificuldade em respirar, erupção cutânea, urina diminuída, hipotensão (tensão baixa do sangue), inchaço dos braços ou pernas e ganho de peso rápido (desconhecido).
Se tiver algum dos efeitos indesejáveis graves acima descritos, informe imediatamente o médico ou enfermeiro.

Outros efeitos indesejáveis de Decitabina incluem
Muito frequentes (podem afectar mais de 1 pessoa em cada 10)
- infecção urinária
- outras infecções em qualquer outra parte do corpo, causadas por bactérias, vírus ou fungos
- maior facilidade em ter hemorragia ou nódoas negras – podem ser sinais de diminuição do número de plaquetas no sangue (trombocitopenia)
- sensação de cansaço ou palidez – podem ser sinais de diminuição do número de glóbulos vermelhos (anemia)
- níveis aumentados de açúcar no sangue
- dor de cabeça
- hemorragias nasais
- diarreia
- vómitos
- náuseas
- febre
- função anormal do fígado

Frequentes (podem afectar até 1 pessoa em cada 10)
- infecção do sangue causada por bactéria – pode ser um sinal de níveis baixos de glóbulos brancosno sangue
- inflamação ou corrimento nasal, inflamação dos seios nasais
- feridas na boca ou na língua
- níveis aumentados de “bilirrubina” no sangue

Pouco frequentes(podem afectar até 1 pessoa em cada 100)
- diminuição do número de glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas (pancitopenia)
- doença do músculo cardíaco
- manchas vermelhas, elevadas e dolorosas na pele, febre, aumento do número de glóbulos brancosno sangue – podem ser sinais de “Dermatose Neutrofílica Febril Aguda” ou “Síndrome de Sweet”

Desconhecido (a frequência não pode ser calculada a partir dos dados disponíveis)
- inflamação intestinal (enterocolite, colite e tiflite), com sintomas de dor abdominal, distensão abdominal ou diarreia. A enterocolite pode desencadear complicações séticas e estar associada a resultados fatais.
Advertências
Gravidez
Gravidez
Gravidez:Não deve utilizar Decitabina se está grávida, pois pode prejudicar o seu bebé. Se engravidar durante o tratamento com Decitabina, informe imediatamente o médico.
Aleitamento
Aleitamento
Aleitamento:Se estiver a utilizar Decitabina, não deve amamentar, pois não se conhece se o medicamento passa para o leite materno.
Condução
Condução
Condução:Pode sentir-se cansado ou fraco após utilizar Decitabina. Se isto acontecer, não conduza nem utilize quaisquer ferramentas ou máquinas.
Precauções Gerais
Fale com o médico, farmacêutico ou enfermeiro antes de utilizar Decitabina, se tem:
- um número reduzido de plaquetas, glóbulos vermelhos ou glóbulos brancos,
- uma infecção,
- doença hepática,
- doença renal grave,
- doença cardíaca.
Se não tiver a certeza se alguma das situações referidas acimase aplica a si, fale com o médico, farmacêutico ou enfermeiro antes de utilizar Decitabina.
Decitabina pode causar uma reacção imune grave chamada ‘síndrome de diferenciação’.

Irá realizar análises sanguíneas antes de iniciar o tratamento com Decitabina e no início de cada ciclo de tratamento. Estas análises servem para verificar se:
- tem células sanguíneas suficientese
- se o seu fígado e os seus rins estão a funcionar de forma adequada.
Fale com o médico sobre o significado dos resultados das suas análises sanguíneas.

Decitabina não deve ser utilizado em crianças ou adolescentes com idade inferior a18 anos.

Informe o médico, enfermeiro ou farmacêutico se estiver a utilizar, tiver utilizado recentemente, ou se viera utilizar outros medicamentos.
Isto inclui medicamentos obtidos sem receita médica e medicamentos à base de plantas.
Isto deve-se ao facto de Decitabina poder afectar o mecanismo de acção de outros medicamentos.
Os outros medicamentos também podem afectar o mecanismo de acção de Decitabina.
Cuidados com a Dieta
Sem informação.
Terapêutica Interrompida
Fale com o médico para obter instruções se faltar a um compromisso para a injecção de Decitabina.
Cuidados no Armazenamento
Não conservar acima de 25° C.

Mantenha todos os medicamentos fora do alcance de crianças e animais de estimação.

Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu médico, enfermeiro ou farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidas ajudarão a proteger o ambiente.
Espectro de susceptibilidade e Tolerância Bacteriológica
Sem informação.
Usar com precaução

Decitabina Outros medicamentos

Observações: Não foram realizados estudos clínicos formais de interacção medicamentosa com decitabina.
Interacções: Existe a possibilidade de uma interacção medicamentosa com outros agentes que sejam igualmente activados por fosforilação sequencial (através de actividades intracelulares da fosfoquinase) e/ou metabolizados por enzimas implicadas na inativação da decitabina (p.e. citidina deaminase). Assim, recomenda-se precaução na associação destes medicamentos com decitabina. Impacto de medicamentos co-administrados na decitabina: As interacções metabólicas mediadas pelo citocromo (CYP) 450 não são antecipadas uma vez que o metabolismo da decitabina não é mediado por este sistema, mas sim por desaminação oxidativa. Impacto da decitabina nos medicamentos co-administrados: É improvável que a decitabina desloque os medicamentos co-administrados da sua ligação proteica plasmática, dado que a ligação proteica plasmática in vitro é reduzida (1%). Foi demonstrado que a decitabina é um inibidor fraco do transporte mediado por P-gp in vitro e, assim, também se espera que não afecte o transporte mediado por P-gp de medicamentos co-administrados. - Outros medicamentos
Identificação dos símbolos utilizados na descrição das Interacções da Decitabina
Informe o seu Médico ou Farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica (OTC), Produtos de Saúde, Suplementos Alimentares ou Fitoterapêuticos.

Não deve utilizar Decitabina se está grávida, pois pode prejudicar o seu bebé.
Se engravidar durante o tratamento com Decitabina, informe imediatamente o médico.

Se estiver a utilizar Decitabina, não deve amamentar, pois não se conhece se o medicamento passa para o leite materno.

Os homens não devem conceber durante o tratamento com Decitabina. Os homens devem utilizar métodos contraceptivos eficazes durante o tratamento e até 3 meses após interrupção do tratamento. Informe o médico se desejar conservar o seu esperma antes do início do tratamento.
As mulheres devem utilizar métodos contraceptivos eficazes durante o tratamento.
É desconhecido o período de tempo em que é seguro engravidar, após conclusão do tratamento. Informe o médico se desejar congelar os seus óvulos antes do início do tratamento.

Pode sentir-se cansado ou fraco após utilizar Decitabina. Se isto acontecer, não conduza nem utilize quaisquer ferramentas ou máquinas.
Informação revista e actualizada pela equipa técnica do INDICE.EU em: 11 de Novembro de 2021