NOVO COVID-19, INFORMAÇÃO ATUALIZADA

NOVO COVID-19, INFORMAÇÃO ATUALIZADA

SOCIEDADE E SAÚDE

  Tupam Editores

0

No dia 11 de março de 2020 o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), declarou o novo coronavírus (COVID-19) uma pandemia, significando assim que a doença tomou proporções à escala mundial, com surtos diferentes em vários países do mundo.

O anúncio surge numa altura em que a infeção já atingiu mais de 126 mil pessoas e causou mais de 4641 mortos, tendo 68300 recuperado da doença, em cerca de 116 países, segundo números oficiais daquele Organismo.

Ao declarar a emergência de pandemia, o diretor-geral alertou para que “pandemia não é uma palavra para se usar de ânimo leve, ou de forma leviana”. Mal utilizada é uma palavra que pode causar medo irracional ou uma aceitação injustificada de que a luta terminou, conduzindo a um sofrimento e morte desnecessários.

Declarar esta situação como uma pandemia, não muda em nada a avaliação da OMS sobre a ameaça que este coronavírus representa, nem altera o que a Organização e os países estão a fazer ou devem fazer com vista à contenção do vírus.

Entretanto, o presidente Donald Trump, manda suspender todas as viagens da Europa para os EUA por um período de 30 dias com início no primeiro minuto do dia 13 de março (sexta feira), com o objetivo de tentar deter a propagação do novo coronavírus, deixando de fora da medida o Reino Unido e os transportes de carga.

Entre nós, discutida a situação em Conselho de Ministros de hoje, em que foi aprovado um conjunto de medidas extraordinárias e de caráter urgente de resposta à situação epidemiológica, foi decidido estabelecer medidas de contingência para a epidemia SARS-CoV-2, e assegurar o tratamento da doença no Serviço Nacional de Saúde (SNS), através de um regime legal adequado a esta realidade excecional, em especial no que respeita a matéria de contratação pública e de recursos humanos.

Nesse contexto, foi criado um regime excecional em matéria de recursos humanos, que contempla:
– suspensão de limites de trabalho extraordinário;
– simplificação da contratação de trabalhadores;
– mobilidade de trabalhadores;
– contratação de médicos aposentados sem sujeição aos limites de idade.

Além destas, entre as principais medidas aprovadas, consta o encerramento de escolas de todos os graus de ensino a partir do dia 16 de março e até 9 de abril, altura em que a situação será reavaliada, cerca de 30 outras medidas foram anunciadas e que irão ser implementadas nos próximos dias, com vista a mitigar a contaminação.

Em termos do número de infetados, estão confirmados até hoje 79 casos, estimando-se que este número continue a subir nos próximos dias; todavia foi confirmada a recuperação de um dos primeiros casos de doentes infetados em Portugal, o que em termos de esperança poderá ser a luz ao fundo do túnel.

Caraterização do novo vírus covid-19

Os coronavírus são uma família de vírus de RNA que geralmente provocam doença respiratória leve em humanos, semelhante a uma gripe comum. Porém, algumas estirpes podem apresentar-se como doença mais grave, como o síndrome respiratório do Médio Oriente (MERS) e o síndrome respiratório agudo severo (SARS-CoV-2).

Um novo coronavírus (COVID-19) foi identificado em Wuhan, China, em final de dezembro de 2019 e alastrou por outras regiões, acabando por contaminar quase todo o planeta e tendo originado a atual pandemia.

Diferença entre epidemia e pandemia

A palavra pandemia, deriva do grego “pandemias” (todos + demos=povo), para identificar uma epidemia de doença infeciosa que se espalha quase simultaneamente entre a população de uma vasta região geográfica como continentes ou mesmo pelo planeta.

Atualização de dados

A atual situação epidémica é acompanhada diariamente pela OMS, ECDC, DGS e outras Entidades de Saúde Regionais que divulgam os principais indicadores relativos ao número de casos atingidos pela doença bem como o número de mortes diretamente atribuídos ao COVID-19.

Não obstante estes números estarem a mudar a cada minuto que passa, o quadro abaixo reflete os últimos dados conhecidos, sendo nossa intenção mostrar uma panorâmica a nível global que ajude a uma tomada de consciência das pessoas, tão realista quanto nos é possível.

covid19_africa
covid19_america
covid19_asia
Covid19_europa
covid19_oceania
RECOMENDAÇÕES DA ECDC
Como se espalha o COVID-19?

As pessoas podem ser infetados pelo COVID-19 através de outras pessoas portadoras do vírus inalando pequenas gotículas infectadas ao tossirem ou espirrarem ou ao tocar superfícies contaminadas e em seguida tocarem o nariz, a boca ou os olhos.

Quais são os sintomas da doença?

A maioria das pessoas infetadas experimenta uma doença leve e recuperam naturalmente, mas para muitas outras pode ser mais grave. Os sintomas principais incluem uma combinação de:
– Febre
Tosse
– Dificuldade para respirar
– Dor muscular
– Cansaço anormal

Surto de doença, O que precisa saber?

Se já esteve em áreas afectadas pelo COVID-19 com risco de exposição ou entrou em contacto com pessoa infectada com o COVID-19 e se no espaço de 14 dias, desenvolve tosse, febre ou falta de ar:

– Fique em casa e não vá para o trabalho ou escola.

– Ligue de imediato para o número de saúde do país em que deseja obter informações; certifique-se de que menciona os sintomas, histórico de viagens e os contatos tidos.

– Não vá ao médico ou hospital. Lembre-se que pode infectar outras pessoas. Se precisar de entrar em contacto com seu médico ou visitar o serviço de emergência hospitalar, ligue com antecedência; indique sempre os seus sintomas, o histórico de viagens ou contatos.

Como pode proteger-se e aos outros da infeção

– Evite o contacto próximo com pessoas doentes, especialmente as que tossem ou espirram.

– Tussa e espirre no cotovelo ou num lenço de papel, não na mão. Descarte o lenço usado imediatamente num contentor do lixo fechado e lave as mãos com água e sabão.

– Evite tocar nos olhos, nariz e boca antes de lavar as mãos.

– Lave regularmente as mãos com água e sabão, pelo menos durante 20 segundos ou use um desinfetante à base de álcool após tossir/espirrar, antes de comer e preparar alimentos, depois do uso do WC e após tocar superfícies em locais públicos

– Pratique o distanciamento social: mantenha-se pelo menos a 1 metro de distância dos outros, especialmente de quem estiver a tossir ou espirrar.

Linha de apoio em Portugal (SAÚDE 24): (+351) 808 24 24 24

Autor:
Tupam Editores

Última revisão:
19 de Março de 2020

Referências Externas:

Casca da banana tem cinco utilidades surpreendentes

SOCIEDADE E SAÚDE

Casca da banana tem cinco utilidades surpreendentes

A casca da banana pode ter várias utilidades para a saúde e não só, revela um artigo publicado no site Life Hacker, que enumera vários benefícios que a casca desta fruta poderá ter.
MEMÓRIA, BASE DO CONHECIMENTO - O que é e como funciona?

MENTE E RELACIONAMENTOS

MEMÓRIA, BASE DO CONHECIMENTO - O que é e como funciona?

De forma razoavelmente simplificada, a memória humana pode ser definida como a capacidade inata do cérebro para obter, armazenar e evocar informações disponíveis no cérebro – a chamada memória biológi...
CEFALEIAS, O MELHOR É NÃO PERDER A CABEÇA

DOENÇAS E TRATAMENTOS

CEFALEIAS, O MELHOR É NÃO PERDER A CABEÇA

Popularmente conhecida por dor de cabeça, a cefaleia é um problema muito frequente e uma das queixas mais comuns nas consultas de clínicos, pediatras ou neurologistas.
0 Comentários