Cigarros eletrónicos também podem danificar ADN e provocar cancro

Cigarros eletrónicos também podem danificar ADN e provocar cancro

DOENÇAS E TRATAMENTOS

  Tupam Editores

4

Um estudo preliminar de cientistas do Masonic Cancer Center da Universidade do Minnesota, nos Estados Unidos, descobriu a presença de metanal, acroleína e metilglioxal em doses potencialmente cancerígenas na saliva de utilizadores de cigarros eletrónicos o que pode indicar que o consumo deste produto pode provocar doenças oncológicas.

Segundo revelou a pesquisa, os cigarros eletrónicos libertam químicos que entram na circulação sanguínea e que podem danificar o ADN e causar cancro.

Os investigadores identificaram a presença de metanal, acroleína e metilglioxal na saliva de cinco consumidores de cigarros eletrónicos recrutados para um estudo preliminar.

Em quatro dos cinco participantes verificaram-se danos no ADN da mucosa da boca relacionados com a exposição à acroleína.

Apesar de concordar que os cigarros eletrónicos “são mais seguros do que os normais”, Silvia Balbo, principal autora do estudo, sublinha que “não basta dizer que alguma coisa é boa só porque não é assim tão má”.

Cigarro eletrónico

Este estudo, por si só, não é suficiente para provar que os cigarros eletrónicos causam cancro, acrescentou ainda, sugerindo, por isso, mais estudos para validar o resultado alcançado.

“Os cigarros eletrónicos são uma tendência popular, embora os efeitos a longo prazo sejam desconhecidos”, referiu, por sua vez, Romel Dator, outro autor do estudo.

“Queremos caracterizar os produtos químicos aos quais os fumadores estão expostos, bem como qualquer dano potencial para o ADN”, disse ainda o vinestigador durante a apresentação do estudo no 256.º Encontro Nacional da Sociedade Americana de Químicos (ACS). 

Autor:
Tupam Editores

Última revisão:
18 de Outubro de 2018

Referências Externas:

ALOÉ VERA, UMA DÁDIVA DA NATUREZA

TRATAMENTOS NATURAIS

ALOÉ VERA, UMA DÁDIVA DA NATUREZA

Como tópico, o aloé vera é utilizado para tratar várias condições da pele, desde queimaduras, cortes, a picadas de insecto, nódoas negras, irritações, entre outras.
ANTIÁCIDOS - Uso e abuso!

MEDICINA E MEDICAMENTOS

ANTIÁCIDOS - Uso e abuso!

A azia é um problema comum, em geral devido à ingestão ou excesso de determinados alimentos que a potenciam, sendo o recurso aos antiácidos a fórmula mais usada para tratar ou prevenir este problema.
0 Comentários