Abóboras podem ser benéficas para pessoas com obesidade

  Tupam Editores

Investigadores da Universidade de Ciências Médicas de Birjand, no Irão, examinaram os efeitos anti-obesidade da abóbora em ratos obesos.

A abóbora é conhecida por ser rica em antioxidantes e por conter propriedades anti-diabetes.

Para o estudo, os investigadores dividiram aleatoriamente 30 ratos adultos em cinco grupos: um grupo de controlo saudável, um grupo de controlo obeso e três grupos experimentais com ratos obesos que receberam extrato de abóbora uma vez ao dia em doses de 100 miligramas por quilograma (mg/kg), 200 mg/kg e 400 mg/kg, respetivamente.

Abóboras

A obesidade foi induzida pela alimentação dos ratos com uma dieta rica em gordura. Enquanto isso, o tratamento com extrato de abóbora continuou por um período de seis semanas.

Após o período de tratamento, os investigadores mediram o perfil lipídico, os níveis de lipoproteínas, as enzimas hepáticas e o estado de stress oxidativo dos animais.

Os grupos de ratos que receberam o extrato de abóbora mostraram reduções significativas nos níveis dos triglicerídeos e do colesterol LDL. Ao mesmo tempo, o extrato de abóbora aumentou muito o colesterol HDL.

Além disso, o extrato de abóbora aumentou o nível de glutationa dos grupos de tratamento, em comparação com o grupo de controlo obeso. Os efeitos do tratamento com abóbora foram dependentes da dose.

Os investigadores concluíram que a abóbora pode reduzir o risco de doenças cardiovasculares em indivíduos obesos, reduzindo o stress oxidativo e melhorando os níveis de colesterol.

ARTIGO

Autor:
Tupam Editores

Última revisão:
22 de Janeiro de 2019

Referências Externas:

Relacionados

CHÁ - Um prazer a qualquer hora!

Os ingleses bebem-no às cinco, em Portugal bebe-se a qualquer hora. Com ou sem cerimónias, a fumegar, frio ou gelado, existe um chá para todas as ocasiões e para clarear todas as situações. É pretexto...

PEQUENO-ALMOÇO - A refeição mais importante do dia

De certeza que já lhe disseram inúmeras vezes “não saias de casa sem tomar o pequeno-almoço”, verdade? E também é verdade que a maior parte das vezes ignorou o conselho e saiu apressadamente sem pensa...

Destaques

DOENÇAS DE VIAGENS

As viagens internacionais aumentaram surpreendentemente nos últimos anos. Segundo as estatísticas disponíveis mais recentes (2006) do World Tourism Organization, o número de viagens internacionais de...

CELULITE, UM PRIVILÉGIO FEMININO

O pesadelo da maior parte das mulheres tem nome e sobrenome: hidrolipodistrofia ginoide – mais conhecida por celulite. E não é à toa que é tão temida, pois ataca as partes mais sensuais do seu corpo,...
0 Comentários