Tutores não procuram ajuda para problemas comportamentais dos gatos

100


Tutores não procuram ajuda para problemas comportamentais dos gatos

  Tupam Editores

O comportamento dos gatos, tal como o dos humanos, pode ser afetado pelas emoções: eles também sentem medo, prazer, fome, e ansiedade, por exemplo. Alguns desses comportamentos são vistos como problemas (destruição de móveis, agressividade dirigida a outros gatos ou pessoas, vocalizações, deixar de usar a liteira para as necessidades, são os mais comuns) e afetam a qualidade de vida tanto da família quanto dos gatos.

Curiosamente, apesar de terem consciência dos problemas comportamentais dos seus felinos, são poucos os tutores que procuram ajuda de profissionais para os solucionar.

A conclusão é de um estudo recentemente publicado na revista científica Journal of Feline Medicine and Surgery, que teve como objetivo estudar a perceção dos tutores de gatos em relação à utilização de medicação psicoativa e produtos alternativos para o tratamento de problemas comportamentais.

Gato agressivo

No âmbito do estudo os cientistas criaram um inquérito online para perceber qual a experiência dos tutores de gatos dos EUA em relação aos problemas comportamentais dos seus felinos, familiarização com medicação psicoativa e níveis de conforto em relação à utilização de tratamentos alternativos para esses problemas.

Foi possível apurar que apesar de conscientes dos problemas comportamentais dos seus felinos, poucos tutores procuraram ajuda para os resolver, sendo que apenas metade sabia da existência de medicamentos psicoativos para tratar estes problemas comportamentais.

Verificou-se ainda que os tutores que já tinham recorrido a medicação psicoativa para tratar os seus animais se sentiam mais confortáveis com medicação alternativa, nomeadamente feromonas e canabidiois.

No que diz respeito ao comportamento dos animais nunca é demais ressaltar que certas indisciplinas são estimuladas pelos nossos hábitos e, sendo assim, o tutor deve ter atenção ao que faz e às suas reações para com o gato. Afinal, os felinos possuem uma percepção bastante apurada e observam o nosso comportamento.

ARTIGO

Relacionados

O SEU GATO ESTÁ GORDO? PONHA-O A MEXER!

A obesidade não é um mal exclusivo da espécie humana. Definida como um excesso de gordura corporal, é a desordem nutricional mais comum nos nossos animais de companhia, com efeitos negativos diretos n...

RAÇAS DE GATOS MAIS POPULARES

O mundo das raças felinas é ainda muito pouco conhecido, mesmo entre os “fanáticos” dos gatos que, na sua maioria, apenas ouviram falar de duas ou três raças, como o Persa, o Siamês, e o gato que têm...

Destaques

0 Comentários