Criado robot para fazer companhia a cães e gatos

100


Criado robot para fazer companhia a cães e gatos

  Tupam Editores

Chama-se Varram Pet Fitness Robot e foi criado com o objetivo de fazer companhia a cães e gatos quando estão sozinhos em casa, mas não só.

O ser humano arrasta consigo os seus amigos de quatro patas tanto no bem como no mal, ou seja, tanto na vida cómoda, como nas doenças típicas do bem-estar.

De acordo com dados da Association for Pet Obesity Prevention, em 2017, perto de 60 por cento dos gatos e 56 por cento dos cães nos Estados Unidos tinham excesso de peso ou eram obesos.

O projeto surge precisamente devido a estes números alarmantes. O robot faz companhia aos animais, mas nasce, sobretudo, para lhes estimular os cinco sentidos, para os manter ativos, de forma a prevenir patologias como diabetes, cancro, ou problemas renais, frequentemente associados ao excesso de peso.

Pesa 300 gramas, é feito de material não tóxico, policarbonato e silicone, e é resistente à água, à baba dos animais e às suas mordidas. Possui um chip Arm Cortex-M4 e move-se sobre duas rodas.

Robot varram-gato

Suporta os impactos e tem um acelerómetro de seis eixos, um sensor de infravermelhos para medir a distância e outro táctil. Ao mover-se em todas as direções estimula o movimento do animal, recompensando-o de vez em quando com comida pré-introduzida pelo tutor.

Para não bater nos sofás, móveis, e pernas das mesas o Varram Pet Fitness Robot dispõe de um sistema de reconhecimento que lhe permite não ficar preso em espaços limitados. Está equipado com uma bateria de 800 mAh e possui uma autonomia de cerca de 10 horas.

Pode ser monitorizado e controlado a partir de uma aplicação para Android e iOS e os tutores podem programar os momentos do dia em que o robot se ativará, escolher o seu percurso, a duração de cada sessão, e até podem decidir a quantidade de croquetes que soltará.

Financiado através de uma campanha de crowdfunding no Indiegogo, o robot conseguiu angariar cerca de 514 mil euros.

ARTIGO

Relacionados

ÉTICA VETERINÁRIA

Quem não conhece uma pessoa cujo sonho em criança era ser veterinária/o? O amor incondicional que sentiam pelos seus animais de companhia levava-os a dizer que, quando crescessem, queriam ser veteriná...

ANIMAIS PARA FINS CIENTÍFICOS

No ranking de temas que geram discussão entre defensores dos direitos dos animais e a comunidade científica, a experimentação animal ocupa o primeiro lugar. As razões são óbvias!

Destaques

0 Comentários