Cães de assistência podem detetar doentes com epilepsia através do olfato

  Tupam Editores

Uma equipa de investigadores da Universidade de Rennes, em França, em parceria com a Medical Mutts, organização de cães de assistência dos EUA, conseguiu demonstrar que os cães de assistência podem detetar os doentes epilépticos através de um odor que libertam quando estão a ter uma convulsão.

A epilepsia é uma doença neurológica que envolve o sistema nervoso, e que afeta diversas funções mentais e físicas. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS) a doença afeta cerca de 50 milhões de pessoas em todo o mundo.

Os cães de assistência que ajudam este tipo de pacientes estão treinados para reagir antes de uma convulsão, no entanto, ainda não se tinha descoberto exatamente de que forma é que os cães conseguiam detetar um ataque epilético antes deste ocorrer.

Focinho de cão

O estudo, recentemente publicado na revista científica Scientific Reports, veio revelar que os pacientes libertam um odor quando a convulsão está a ocorrer, o que permite ao animal detetar a sua ocorrência.

Amélie Catala, uma das cientistas envolvidas na investigação, refere ser provável que quando se produz um ataque epilético, este provoque a libertação de algumas neuro-hormonas que ativam o odor relacionado com o stress.

Os investigadores acreditam que esta descoberta vai permitir criar um marcador que sirva para detetar de forma precoce um ataque epilético e para melhorar o treino dos cães de assistência para que prestem uma ajuda mais eficiente a este tipo de pacientes.

ARTIGO

Relacionados

CÃES GRANDES EM CASA

Mas será que um cão grande não pode viver num apartamento? O genoma do cão parece ser quase infinitamente maleável, existindo atualmente cerca de 400 raças. Desde que o Homem começou a domesticar este...

JOGOS PARA EDUCAR O SEU CÃO

Tal como os humanos, também os cães gostam de brincar! E gostam tanto que levam a brincadeira para lá da adolescência. Se convive com cães sabe que muita da interação acontece naturalmente: atirar uma...

Destaques

0 Comentários