Novo tratamento para cancro da mama autorizado em meio hospitalar

Novo tratamento para cancro da mama autorizado em meio hospitalar

MEDICINA E MEDICAMENTOS

  Tupam Editores

0

A substância ativa palbociclib obteve autorização para ser utilizada em meio hospitalar no tratamento do cancro de mama positivo para HR e negativo para o HER2, mas com exceções.

O palbociclib é um inibidor reversível que, em diversos estudos, demonstrou ter capacidade de bloquear a progressão da doença.

De acordo com um comunicado da Autoridade Nacional do Medicamento - Infarmed, este fármaco foi autorizado para o tratamento de cancro da mama positivo para recetores hormonais (HR) e negativo para o recetor tipo 2 do fator de crescimento epidérmico humano (HER2) localmente avançado ou metastático, em associação com um inibidor da aromatase ou com fulvestrant em mulheres que receberam terapêutica endócrina anterior.

Sendo que, em mulheres pré- ou peri-menopáusicas, a terapêutica endócrina deve ser associada a um agonista da hormona libertadora da hormona luteinizante.

Cancro da mama

No entanto, há casos para os quais a sua utilização não está indicada. É o caso de: mulheres peri ou pré-menopausa sem tratamento hormonal prévio no contexto de doença avançada; mulheres peri ou pré-menopausa com tratamento prévio com um inibidor da aromatase com progressão apenas após 12 meses do termino do tratamento e mulheres com tratamento prévio para a doença avançada com progressão apenas após 12 meses do tratamento.

A avaliação a este medicamento demonstrou ainda a existência de valor terapêutico acrescentado (VTA) face à alternativa comparadora.

Na avaliação económica, os valores custo-efetividade incrementais associados à introdução do fármaco palbociclib no arsenal terapêutico, assim como os resultados do impacto orçamental, foram considerados aceitáveis, depois de negociadas condições para utilização pelos hospitais e entidades do Serviço Nacional de Saúde (SNS), tendo em atenção as características específicas do medicamento e da doença em causa.

Autor:
Tupam Editores

Última revisão:
07 de Junho de 2019

Mais Sobre:
CANCRO HOSPITAL TRATAMENTO

Referências Externas:

Música pode reduzir ansiedade durante cirurgia

MEDICINA E MEDICAMENTOS

Música pode reduzir ansiedade durante cirurgia

Pacientes submetidos a um bloqueio de nervo periférico têm uma alteração semelhante nos scores de ansiedade ao ouvirem uma música, em comparação com o uso do medicamento midazolam.
NOOTRÓPICOS - Aumente o poder da sua mente

MEDICINA E MEDICAMENTOS

NOOTRÓPICOS - Aumente o poder da sua mente

Desde o início da civilização que os seres humanos recorrem a substâncias externas ao organismo para alcançar estados alterados de consciência, prazer, analgesia, euforia, relaxamento, entre outros.
MEMÓRIA, BASE DO CONHECIMENTO - O que é e como funciona?

MENTE E RELACIONAMENTOS

MEMÓRIA, BASE DO CONHECIMENTO - O que é e como funciona?

De forma razoavelmente simplificada, a memória humana pode ser definida como a capacidade inata do cérebro para obter, armazenar e evocar informações disponíveis no cérebro – a chamada memória biológi...
0 Comentários