China quer impor limites aos videojogos para travar avanço da miopia

100


China quer impor limites aos videojogos para travar avanço da miopia

  Tupam Editores

A China anunciou que vai limitar o número de videojogos disponíveis na Internet com o objetivo de travar o aumento do número de doentes com miopia no país, uma doença que afeta muitas crianças e adolescentes chineses. A aplicação da medida foi anunciada pelo Ministério da Educação chinês.

O novo regulamento foi anunciado na passada quinta-feira, 30 de agosto, logo após uma “importante diretriz” do Presidente chinês, Xi Jinping, que apelou à proteção da visão das crianças.

De acordo com o comunicado do Ministério da Educação, as autoridades chinesas querem limitar o número de videojogos na Internet, mas também o lançamento de novos produtos no mercado.

Criança chinesa com óculos

Outras medidas, como incluir limitar o número de horas que as crianças passam a jogar, vão estar em discussão.

Esta iniciativa pretende travar o avanço da miopia no país, uma vez que os estudantes chineses são dos que mais sofrem da doença de forma precoce.

Este distúrbio ocular tem um impacto negativo significativo na saúde física e mental das crianças e representa um grande problema para o futuro da nação, acrescentou.

A medida anunciada na quinta-feira surge depois de Pequim ter suspendido a emissão de licenças para comercializar novos videojogos.

Segundo a lista da Agência Nacional para a Rádio e Televisão, nenhuma empresa obteve novas licenças desde maio passado.

ARTIGO

Relacionados

Destaques

HERPES

O nome da doença não disfarça os seus efeitos! Com origem no termo grego “herpein”, que significa “alastrar” ou “rastejar”, herpes é a palavra usada para designar uma doença viral da pele, altamente c...
0 Comentários