Oceanário de Lisboa tem novo residente

Oceanário de Lisboa tem novo residente

OUTROS TEMAS

  Tupam Editores

5

Nasceu em Inglaterra mas veio viver para Portugal. O novo residente do aquário central do Oceanário de Lisboa é um tubarão-zebra (stegostoma fasciatum), uma espécie ameaçada na natureza e que integra um programa europeu para reprodução de espécies entre aquários, de forma a promover a conservação da natureza e a proteção da diversidade marinha.

Tubarão Zebra

De acordo com o Oceanário de Lisboa, o tubarão-zebra é proveniente de um ovo posto no Shedd Aquarium, em Chicago, que foi transferido para o aquário The Deep, em Inglaterra, onde nasceu, em dezembro de 2015. Chegou ao Oceanário de Lisboa em março de 2016, com apenas 340g e 45cm, onde a equipa de biólogos e veterinários têm acompanhado e monitorizado a sua evolução até à integração no aquário central, que só agora ocorreu.

Segundo a União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN), o tubarão-zebra é uma espécie em perigo de extinção pelos piores motivos: em alguns locais é utilizado fresco e seco para consumo humano e também como farinha de peixe. O seu fígado é processado para vitaminas e as barbatanas para comércio. A pressão da pesca constitui, por isso, uma ameaça constante.

Curiosamente, o tubarão-zebra é inofensivo. Os juvenis têm o corpo claro com bandas verticais pretas, semelhantes às de uma zebra. Só em adultos adquirem o padrão característico da espécie – corpo claro com manchas escuras.

Durante o dia, é frequente encontrá-lo sobre o fundo, com a boca virada contra a corrente, de modo a respirar sem esforço. O seu corpo e cauda muito flexíveis permite-lhe esgueirar-se dentro de fendas e buracos estreitos, onde procura as suas presas.

Portugal vai ter um registo oncológico animal

OUTROS TEMAS

Portugal vai ter um registo oncológico animal

O ICBAS e o ISPUP preparam-se para lançar a plataforma Vet-OncoNet, um website que pretende reunir informação sobre neoplasias presentes em animais de companhia e criar um registo oncológico animal.
AQUARIOFILIA: A FUGA PARA O PARAÍSO

AQUARIOFILIA

AQUARIOFILIA: A FUGA PARA O PARAÍSO

Há-os de vários tipos e para todos os gostos: de água doce, salgada, fria, quente, comunitários – onde habitam várias espécies de peixes, biótipo – onde apenas existem peixes e plantas provenientes da...
0 Comentários