ALIMENTAÇÃO

Espinafres reduzem risco de cancro do cólon

Um novo estudo realizado pela Universidade do Texas, nos Estados Unidos, sugere que o consumo de espinafres pode prevenir o diagnóstico de cancro do cólon.

Espinafres reduzem risco de cancro do cólon
CANCRO, INVESTIGAÇÃO E NOVAS TERAPIAS

DOENÇAS E TRATAMENTOS

CANCRO, INVESTIGAÇÃO E NOVAS TERAPIAS


Os cientistas usaram um modelo de doença hereditária, chamada polipose adenomatosa familiar, um distúrbio hereditário que faz com que os jovens desenvolvam vários pólipos não cancerígenos no cólon.

A maioria das pessoas com esta doença é submetida a uma cirurgia de remoção do cólon para evitar o crescimento de tumores à medida que envelhecem. Em seguida, os pacientes são submetidos a um tratamento frequentemente tóxico para evitar a formação de outros tumores no duodeno, a primeira parte do intestino delgado.

Os resultados deste estudo indicam que os espinafres podem ajudar na prevenção do cancro nesses pacientes, atrasando a necessidade de remoção do cólon e prolongando o tratamento medicamentoso.

Depois de alimentar com espinafre liofilizado um modelo animal de polipose adenomatosa familiar por 26 semanas, os cientistas observaram atividade antitumoral significativa no cólon e no intestino delgado.

Usando uma abordagem inovadora, os investigadores descobriram que a supressão do tumor promovida pelo espinafre envolvia o aumento da diversidade do microbioma intestinal (micróbios úteis) e mudanças na expressão genética para ajudar a prevenir o cancro.

Os cientistas também descobriram que os ácidos gordos associados à regulação da inflamação, chamados de metabólitos do linoleato, atingiram um nível benéfico após uma dieta rica em espinafres. O estudo foi publicado na revista Gut Microbes.


OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS