PSIQUIATRIA

Distúrbios do movimento podem reduzir prática de exercício físico

Para pacientes com transtornos psicóticos, alguns transtornos do movimento, especialmente parkinsonismo, estão associados à redução da prática de atividade física e ao aumento do comportamento sedentário, de acordo com um estudo publicado na revista Schizophrenia Bulletin.

Distúrbios do movimento podem reduzir prática de exercício físico
VIVA O DESPORTO

EXERCÍCIO FÍSICO

VIVA O DESPORTO

Investigadores do Centro Psiquiátrico GGz Centraal, nos Países Baixos, examinaram a relação entre distúrbios do movimento e atividade física e comportamento sedentário entre 216 pacientes com esquizofrenia e psicoses relacionadas.

Os dados foram analisados e ajustados de a​​cordo com fatores como sexo, idade, sintomas negativos e uma dose diária definida de antipsicóticos prescritos.

Os cientistas observaram uma associação significativa entre parkinsonismo e diminuição da atividade física e aumento do comportamento sedentário; apenas a relação com o comportamento sedentário foi significativa para distonia.

A acatisia foi associada ao aumento da atividade física e diminuição do comportamento sedentário, enquanto para a discinesia, as associações não foram significativas. Acatisia, distonia, parkinsonismo e idade predizem significativamente níveis de atividade física e comportamento sedentário em modelos de predição, mostrou o estudo.


OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS