OBESIDADE

Horários de alimentação inconsistentes ligados a aumento de peso

Um estudo recente descobriu que horários de alimentação irregulares podem levar ao aumento de peso e promover o risco de obesidade.

Horários de alimentação inconsistentes ligados a aumento de peso
OBESIDADE, DOENÇA OU DESLEIXO

DIETA E NUTRIÇÃO

OBESIDADE, DOENÇA OU DESLEIXO

Para o estudo, os cientistas compararam os índices de massa corporal (IMC) de mais de mil pessoas com idades entre 18 e 25 anos. Esses indivíduos mudaram os seus horários de alimentação durante o fim de semana.

Os cientistas usaram o termo “refeições jet lag” como uma referência ao limite de variabilidade nos horários das refeições de fim de semana, onde podia ser encontrado um risco para a saúde associado. Este limite foi definido como uma diferença de 3,5 horas ou mais entre as refeições em dias diferentes.

Os investigadores analisaram se os participantes faziam refeições jet lag observando a que horas consumiam o pequeno-almoço, o almoço e o jantar durante o fim de semana e comparando com os seus horários de alimentação num dia de semana típico.

Os participantes que consumiam refeições jet lag tiveram um aumento médio do IMC de 1,34 kg, o que sugere que uma maior inconsistência ao nível do horário das refeições promove um maior risco de obesidade.

Por causa das suas descobertas, os cientistas recomendam que as pessoas devem manter uma programação alimentar consistente, especialmente durante o fim de semana, uma vez que esse hábito pode ajudar a minimizar o ganho de peso e prevenir o sobrepeso ou a obesidade.

Fonte: Food News

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS