HIPERTENSÃO

Saiba como evitar oscilações da pressão arterial no confinamento

O Núcleo de Estudos de Geriatria (NEGERMI) da Sociedade Portuguesa de Medicina Interna (SPMI) acaba de lançar o quarto vídeo com conselhos práticos para problemas resultantes do confinamento nos idosos. Este novo vídeo apresenta um conjunto de conselhos e sugestões para combater as oscilações da pressão arterial nos idosos durante o período de confinamento.

Saiba como evitar oscilações da pressão arterial no confinamento
1500 MILHÕES DE HIPERTENSOS EM 2025!?

DOENÇAS E TRATAMENTOS

1500 MILHÕES DE HIPERTENSOS EM 2025!?

A pressão arterial varia constantemente ao longo das estações do ano, ao longo do dia, com a postura corporal, com a ingestão de alimentos e, a amplitude de variação é mais acentuada nos idosos.

“O isolamento cria condições de solidão e ansiedade que atuam como fatores hipertensores, mas o sedentarismo e as longas horas que os idosos passam deitados ou sentados retardam os mecanismos de acerto da pressão arterial no ortostatismo (na posição de pé) e pela hora do almoço, originando situações de hipotensão postural e pós-prandial. A ansiedade aumenta por entenderem que qualquer das duas situações são graves e que só podem e devem ser resolvidas na urgência hospitalar”, afirma João Gorjão Clara, coordenador do NEGERMI.

O primeiro vídeo teve como objetivo ensinar a evitar ou a recuperar a perda de massa muscular nos idosos em virtude da pouca ou reduzida mobilidade provocada pelo confinamento, o segundo, apresenta um conjunto de conselhos para melhorar o sono e o terceiro foi dedicado aos problemas de obstipação.

O vídeo sobre a oscilação arterial pode ser visualizado aqui

Fonte: Sociedade Portuguesa de Medicina Interna (SPMI)

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS