ALIMENTAÇÃO

Bebidas energéticas aumentam pressão arterial

As bebidas energéticas são bebidas com altos níveis de um ingrediente estimulante - geralmente cafeína – que também contêm açúcar e outros aditivos. Os fabricantes promovem estas bebidas como sendo capazes de aumentar o estado de alerta mental e o desempenho físico, afirmando que são tão seguras quanto a cafeína.

Bebidas energéticas aumentam pressão arterial
BEBIDAS ENERGÉTICAS

DIETA E NUTRIÇÃO

BEBIDAS ENERGÉTICAS

Mas cientistas têm vindo a reiterar que estas afirmações são infundadas; o regulador de saúde norte-americano (FDA) classifica a cafeína em doses de até 400 miligramas (mg) como segura, mas pouco se sabe sobre a segurança dos outros ingredientes presentes em bebidas energéticas.

Para aprenderem mais sobre os efeitos desses outros ingredientes, investigadores internacionais compararam as alterações da pressão arterial e do ritmo cardíaco em 18 voluntários saudáveis ​​após consumirem uma bebida energética e, em seguida, outra bebida com a mesma quantidade de cafeína, mas sem nenhum dos outros ingredientes.

Além das 320 mg de cafeína - a quantidade presente em cerca de quatro chávenas de café - a bebida energética continha 120 gramas de açúcar, várias vitaminas B e uma “mistura energética” patenteada do aminoácido taurina e outros ingredientes.

Os cientistas mediram o ritmo cardíaco dos participantes, que foram sujeitos a realização de um eletrocardiograma, e descobriram que, duas horas depois de terem ingerido a bebida energética, os participantes apresentavam uma alteração, conhecida como prolongamento do QTc, que, às vezes, está associada a arritmias com risco de vida; o mesmo não se verificou quando os participantes ingeriram a bebida que continha apenas cafeína.

A bebida energética também aumentou a pressão arterial dos participantes em quase cinco pontos, mantendo-a elevada durante seis horas. Enquanto isso, a bebida com apenas cafeína elevou a pressão arterial em pouco menos de um ponto.

Os cientistas observaram que, embora as pessoas saudáveis ​​não precisem de se preocupar com estas mudanças nos níveis de pressão arterial, pessoas com problemas cardiovasculares devem abster-se de ingerir bebidas energéticas.

Fonte: Food News

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS