SISTEMA IMUNITÁRIO

Imunidade à COVID-19 pode durar até cinco meses após infeção

A maioria das pessoas que tiveram COVID-19 está imune à doença por pelo menos cinco meses, concluiu um estudo conduzido pela agência de Saúde Pública inglesa.

Imunidade à COVID-19 pode durar até cinco meses após infeção
AS FRAGILIDADES DO SISTEMA IMUNITÁRIO

MEDICINA E MEDICAMENTOS

AS FRAGILIDADES DO SISTEMA IMUNITÁRIO

De acordo com os investigadores, estes têm um risco 83 por cento menor de contrair o vírus, quando comparados com aqueles que nunca tiveram COVID-19. No entanto, os peritos advertem que isso não significa que não possam ser reinfetados e infetar outras pessoas.

De acordo com Susan Hopkins, investigadora que liderou o estudo, a investigação mostrou que a imunidade varia de pessoa para pessoa, podendo durar mais tempo, mas não confere uma proteção absoluta.

“Isso significa que, mesmo que pense que uma vez que já teve a doença está protegido, e embora seja improvável que desenvolva infeções graves, continua a correr o risco de adquirir a infeção e transmitir a outras pessoas”, acrescentou, citada pela BBC.

“Agora, mais do que nunca, é vital que todos nós fiquemos em casa para proteger o nosso serviço de saúde e salvar vidas”, conclui.

Fonte: BBC

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS