VACINA

Portugal vai comprar mais de 22 milhões de doses de vacinas

A vacina contra a COVID-19, que poderá chegar a Portugal já em janeiro, será gratuita, facultativa e administrada no Serviço Nacional de Saúde (SNS), revelou a ministra da Saúde no final de uma reunião que contou com a participação do primeiro-ministro, António Costa, o coordenador da task-force criada para desenhar o plano de vacinação e os ministros de Estado e da Presidência, Mariana Vieira da Silva, da Administração Interna, Eduardo Cabrita, e da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho.

Portugal vai comprar mais de 22 milhões de doses de vacinas

Marta Temido referiu que a vacina será administrada aos utentes através do SNS, apontando dois cenários possíveis.

Portugal vai comprar mais de 22 milhões de doses de vacinas contra a COVID-19, o que representa um custo de 200 milhões de euros, anunciou a governante.

“Um primeiro momento em que haverá um contexto de maior escassez no acesso a vacinas e, portanto, também à semelhança daquilo que outros países têm estado a planear será um cenário mais controlado, mas depois admitimos que ao longo do ano de 2021 passemos para um cenário de maior abrangência com mais doses disponíveis e também maior expansão dos pontos de administração”, explicou.

Fonte: SNS

TEMAS

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS