MEDICAMENTO

Reserva estratégica de medicamentos e dispositivos será reforçada

“O contexto de pandemia não reduziu o acesso dos portugueses aos medicamentos pelo Serviço Nacional de Saúde (SNS)”, tendo sido até aprovados mais de 30 novos fármacos, afirmou a secretária de Estado Adjunta e da Saúde, Jamila Madeira.

Reserva estratégica de medicamentos e dispositivos será reforçada

“De janeiro a julho de 2020, foram já aprovados 36 novos medicamentos para utilização pelos utentes, com particular incidência nas áreas de oncologia, anti-infeciosos, cardiovasculares e neurologia, possibilitando mais opções terapêuticas”, revelou Jamila Madeira na conferência de imprensa de atualização dos dados relativos à evolução da COVID-19 em Portugal.

A governante sublinhou que a reserva estratégica de medicamentos e dispositivos – que inclui medicamentos para a pandemia de SARS-CoV-2, bem como medicamentos experimentais em uso nos hospitais – “será reforçada de forma descentralizada junto dos hospitais e de forma centralizada pelo Infarmed e pelo Laboratório Militar”, conforme estava já contemplado no orçamento suplementar.

Fonte: SNS

TEMAS

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS