OBESIDADE

Sobrepeso e obesidade associados a baixa qualidade espermática

Cientistas da Universidade Rovira i Virgili, em Itália, em colaboração com a Universidade de Utah, nos Estados Unidos, com a Universidade Ahvaz Jundishapur, no Irão, e com a Universidade Nacional de Córdoba, na Argentina, realizaram uma revisão sistemática e meta-análise de toda a literatura científica observacional existente que avaliasse a associação entre a adiposidade (peso normal, sobrepeso, obesidade e baixo peso) e a qualidade espermática determinada por um seminograma.

Sobrepeso e obesidade associados a baixa qualidade espermática

Foram incluídos 60 artigos na análise qualitativa e 28 na análise quantitativa. Os cientistas indicaram que o sobrepeso e/ou a obesidade estavam associados a parâmetros de baixa qualidade de esperma.

Segundo os cientistas, este trabalho fornece a análise mais abrangente até ao momento do estudo de alta qualidade e demonstra a importância da adiposidade na qualidade do esperma.

Os resultados do estudo foram publicados na revista Obesity Reviews.

Fonte: Eurekalert

TEMAS

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS