OBESIDADE

Obesidade não está ligada a proximidade a restaurantes fast food

Um novo estudo realizado pela Universidade de Lund, na Suécia, não mostrou qualquer correlação entre a obesidade e o quão perto as pessoas moram de restaurantes fast-food ou ginásios.

Obesidade não está ligada a proximidade a restaurantes fast food

Estes resultados são contrários ao de outros estudos, que indicaram que esses fatores poderiam ser importantes para o desenvolvimento da obesidade em idade adulta.

O estudo de larga escala usou dados longitudinais de registos nacionais de mais de 1,5 milhões de adultos suecos e não encontrou qualquer associação estatisticamente significativa entre esses dois tipos de instalações e a obesidade; os cientistas acreditam que é improvável que a disponibilidade de restaurantes fast-food ou a falta de ginásios sejam as causas da obesidade em adultos suecos.

Para os investigadores, embora a redução de estabelecimentos de fast-food ou a introdução de instalações de atividade física possam, em teoria, promover uma alimentação mais saudável e a prática de exercício físico, pode não ser muito eficaz em todos os países e regiões, porque os contextos variam de acordo com a cultura e estilo de vida, que podem afetar a frequência com que as pessoas utilizam essas instalações, no dia a dia.

Fonte: Eurekalert

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS