OBESIDADE

Transplantes fecais podem ser úteis no combate à obesidade

Ratos obesos com estilos de vida pouco saudáveis perderam significativamente menos peso e conseguiram evitar o desenvolvimento da diabetes tipo 2 quando receberam vírus transplantados das fezes de ratos magros, concluiu um novo estudo realizado pela Universidade de Copenhaga, na Dinamarca.

Transplantes fecais podem ser úteis no combate à obesidade

Nos últimos anos, os transplantes fecais de dadores saudáveis para pacientes doentes tornaram-se uma das alternativas de tratamento de um tipo grave de diarreia causada pela bactéria Clostridioides difficile em humanos.

Ensaios recentes em ratos sugerem que um tratamento semelhante, no qual apenas o vírus presente nas fezes é transplantado, pode ajudar pessoas que sofrem de obesidade e diabetes tipo 2.

O método também pareceu proteger os ratos usados no estudo contra o desenvolvimento de intolerância à glicose, uma doença que inibe o corpo de absorver adequadamente o açúcar.

Os testes demonstraram que os ratos obesos que receberam um transplante de vírus intestinal de ratos magros reagiram a uma injeção de glicose de maneira diferente dos animais magros.


OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS