DEPRESSÃO

Compostos da bananeira reduzem risco de depressão

Um estudo publicado na revista Pharmacognosy Research encontrou evidências suficientes de que compostos da bananeira (Musa sapientum) apresentam propriedades antidepressivas.

Compostos da bananeira reduzem risco de depressão

Era já sabido que as bananas tinham propriedades antioxidantes; por isso, cientistas indianos decidiram testar os efeitos de compostos da bananeira em modelos animais com depressão.

O stress oxidativo é um evento associado ao desenvolvimento de transtorno depressivo maior, sendo causado por um desequilíbrio entre os radicais livres e antioxidantes no corpo; compostos com forte atividade antioxidante podem combater o stress oxidativo.

No estudo, os animais depressivos tratados com extratos de caule de banana mostraram melhorias nos seus níveis de depressão, o que sugere que os antioxidantes presentes na bananeira podem ajudar a reduzir os sintomas da doença.

Ao sujeitarem dois grupos de ratos com depressão, um que ingeriu extrato de bananeira e outro que não, a vários testes comportamentais, que simulavam situações potencialmente adversas para pessoas com depressão, os cientistas observaram que, durante esses mesmos testes, os animais que tinham ingerido o extrato se apresentavam muito mais calmos o que, segundo os investigadores, indica a existência de uma propriedade antidepressiva nos extratos de bananeira.

Com base nesses resultados, os cientistas concluíram que a bananeira contém compostos naturais ativos que podem ser usados ​​no tratamento da depressão.

Fonte: Food News

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS