DEPRESSÃO

Estudo investiga efeitos secundários de cetamina na depressão

Em março de 2019, o regulador de saúde norte-americano (FDA) aprovou um spray nasal à base de cetamina para o tratamento da depressão, uma vez que vários estudos mostraram que pequenas doses de cetamina podem aliviar rapidamente os sintomas desta doença.

Estudo investiga efeitos secundários de cetamina na depressão

Agora, cientistas norte-americanos do National Institutes of Health investigaram os efeitos secundários, de entre 120 sintomas, do uso deste produto, através da análise dos resultados de estudos realizados nos últimos 13 anos.

Os dados incluíram 163 indivíduos com transtorno depressivo maior ou transtorno bipolar e 25 controlos saudáveis.

No geral, dos 120 sintomas, os cientistas associaram significativamente 33 ao tratamento com cetamina.

Oito desses sintomas ocorreram em mais da metade dos participantes, que relataram sentir-se confusos, com sintomas como dissociação, distorção visual, dificuldade em falar e dormência. No entanto, nenhum desses efeitos durou mais do que quatro horas.

No entanto, os investigadores alertaram para as limitações significativas do estudo, nomeadamente pelo facto de não terem sido analisados os efeitos secundários de longo prazo; para além disso, os autores do estudo disseram que o químico foi apenas testado na sua forma injetável.


OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS