VITAMINA-D

Baixos níveis de vitamina D associados a sintomas não motores

Um estudo publicado na revista Acta Neurologica Scandinavia, que comparou 182 pacientes com doença de Parkinson e 185 controlos saudáveis, mostrou que os pacientes com doença de Parkinson tinham níveis significativamente mais baixos de vitamina D.

Baixos níveis de vitamina D associados a sintomas não motores

Além disso, os cientistas observaram que os pacientes com níveis mais baixos de vitamina D eram mais propensos a cair e a ter problemas de sono, depressão e ansiedade.

Os resultados sugerem que a suplementação de vitamina D pode ajudar a tratar os sintomas não motores associados à doença de Parkinson.

O estudo foi realizado pela Universidade de Soochow, na China.

Fonte: Eurekalert

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS