SAÚDE E BEM-ESTAR

Objetivos de vida associados a menor mortalidade após os 50 anos

Um corpo crescente de literatura sugere que ter um forte senso de propósito na vida leva a melhorias na saúde física e mental e melhora a qualidade de vida geral. Existem intervenções disponíveis para influenciar o propósito da vida; assim, compreender a associação entre o propósito de vida e a mortalidade é fundamental.

Objetivos de vida associados a menor mortalidade após os 50 anos

Um novo estudo teve como objetivo avaliar se existe uma associação entre o propósito de vida e a mortalidade por todas as causas ou causas específicas entre idosos nos Estados Unidos.

O objetivo foi avaliar uma associação entre o propósito de vida e a mortalidade por todas as causas ou causas específicas entre pessoas com mais de 50 anos que participam do Estudo de Saúde e Reforma dos Estados Unidos.

Este recente estudo de coorte, que contou com a participação de 6 985 adultos, mostrou que o propósito de vida foi significativamente associado à mortalidade por todas as causas.

Portanto, o propósito de vida é um fator de risco modificável e, como tal, o papel das intervenções para melhorar o propósito de vida deve ser avaliado para os resultados de saúde, incluindo a mortalidade.

O estudo foi publicado no JAMA Network Open.

Fonte: Fonte: Diário da Saúde

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS