RISCO

DGS pede a populações que evitem comportamentos de risco no verão

A Direção-Geral da Saúde (DGS) promoveu, no passado dia 11 de junho, em Monchique, o evento “Juntos por um Verão Seguro 2019”, onde Graça Freitas apelou a alguns cuidados durante o verão.

DGS pede a populações que evitem comportamentos de risco no verão

“As pessoas, principalmente as crianças e os mais idosos, devem manter-se informadas, acima de tudo, hidratadas, para evitarem problemas na saúde”, sublinhou.

Na ocasião, a DGS apelou para que as populações evitem comportamentos de risco e tomem medidas preventivas em situações extremas de calor, de forma a não colocarem a saúde em perigo.

Na opinião de Graça Freitas, no período das férias de verão, aquele em que as pessoas estão mais descontraídas, “existem mais comportamentos de risco, que é preciso evitar para diminuir o número de acidentes”.

A existência do Plano de Contingência possibilita a comunicação de risco à população e aos parceiros do setor da saúde; permite implementar medidas no âmbito da literacia, para capacitar os cidadãos para a sua proteção individual; permite um adequado planeamento, para garantir a resposta dos serviços de saúde ao aumento da procura ou a uma procura diferente da esperada.

Graça Freitas referiu que os organismos nacionais ligados à saúde, em articulação com os regionais e locais, estão preparados para “dar resposta ao plano de contingência traçado, embora exista alguma preocupação com a resposta da capacidade dos serviços em determinadas zonas, devido ao aumento da população sazonal”.

À semelhança dos anos anteriores, a Saúde Sazonal articula-se com outros programas da DGS, na realização de atividades no âmbito da Literacia para a Saúde. Este ano foram apresentadas as principais recomendações do Programa Nacional para a Alimentação Saudável.

Fonte: DGS

TEMAS

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS