PROBIÓTICOS

Probióticos e iogurte podem proteger contra parasitas

Investigadores do Egito e da Arábia Saudita estudaram os efeitos da suplementação com probiótico ou iogurte sobre o stress oxidativo e a fibrose hepática, em ratos, causada pelo parasita Schistosoma mansoni.

Probióticos e iogurte podem proteger contra parasitas

As descobertas foram publicadas na revista BMC Complementary and Alternative Medicine.

A esquistossomose é considerada a segunda doença parasitária mais devastadora, após a malária; os investigadores avaliaram a eficácia de microrganismos benéficos encontrados em probióticos ou iogurtes na melhoria dos efeitos da esquistossomose no fígado, como stress oxidativo e fibrose.

Os cientistas descobriram que o tratamento oral com probióticos ou iogurte reduziu significativamente o número e a carga de ovos, bem como o tamanho do tecido do fígado inflamado, uma indicação de níveis esgotados de metaloproteinases de matriz 9, a principal enzima responsável pela degradação da matriz extracelular, que determina, em grande parte, a estrutura e função do tecido orgânico.

Os resultados também mostraram uma diminuição significativa nos marcadores de stress oxidativo induzidos pela infeção por S. mansoni; além disso, os probióticos ou iogurtes reduziram os níveis de caspases-3 no tecido hepático, que são componentes cruciais da morte celular programada.

Por fim, foi observado que a suplementação com probióticos aumentou o nível de algumas enzimas antioxidantes e reduziu os níveis de glutationa.

Estes resultados sugerem que a suplementação com probióticos ou iogurtes têm propriedades antiparasitárias e hepato-protetoras que podem contrariar os efeitos da esquistossomose.

Fonte: Food News

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS