RISCO

Investigadores estudam sistema de avaliação do risco de quedas

As quedas são um dos problemas de saúde mais comuns nos idosos, representando mais de 50 por cento das hospitalizações por lesões neste grupo etário, e são consideradas uma das principais causas de perda de independência e de institucionalização. O projeto FallSensing permite avaliar esse risco e implementar exercícios de prevenção.

Investigadores estudam sistema de avaliação do risco de quedas

Desenvolvido no Departamento de Fisioterapia da Escola Superior de Tecnologias da Saúde, em parceria com a Sensing Future Tecnhologies e a Fraunhofer Portugal, o FallSensing constitui um inovador sistema de avaliação do risco de queda capaz de implementar planos de exercícios personalizados para prevenção de quedas, dando biofeedback durante a realização de exercícios, o que permite uma aprendizagem mais rápida por parte do participante, assim como um melhor treino por parte do fisioterapeuta.

Com uma tecnologia simples, adaptada a diferentes casos, o sistema baseia-se na recolha e análise de dados durante a avaliação do risco de queda ou exercícios de prevenção de quedas, os quais são guardados numa plataforma de registo clínico e com acesso através de um portal, onde os profissionais de saúde e cuidadores poderão consultar a evolução dos utentes e criar planos de intervenção personalizados.

O projeto inclui também um sistema de recomendação automática de planos personalizados de exercícios para prevenção de quedas com vista a potenciar uma contínua adaptação dos programas à evolução de cada pessoa.

“As quedas são um dos problemas de saúde mais comuns nos adultos mais velhos, representam mais de 50 por cento das hospitalizações por lesões neste grupo etário, e são consideradas uma das principais causas de perda de independência e institucionalização. As quedas têm uma origem multifatorial, no entanto, a maioria dos fatores de risco de queda é modificável”, esclarece Anabela Correia Martins, uma das responsáveis pelo projeto.

Fonte: press release

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS