MEDICAMENTO

Venda de medicamentos genéricos continua a aumentar

O consumo de medicamentos genéricos voltou a subir, tendo a quota de mercado de genéricos atingindo um máximo histórico de 63,3 por cento, revelam dados do relatório de Monitorização do Consumo de Medicamentos da Autoridade Nacional do Medicamento - Infarmed relativo a 2018.

Venda de medicamentos genéricos continua a aumentar

Este aumento foi de 0,6 por cento em relação ao ano anterior e de cerca de dez por ceno em relação a 2010.

O mesmo relatório aponta que, no total de 161 milhões de embalagens dispensadas independentemente de terem ou não correspondente em genérico, 48,4 por cento da quota de mercado de unidades são genéricos, tendo-se registado uma subida de 1,1 por cento em relação a 2017. Em 2010, este valor de quota de mercado era de 31,4 por cento.

Em média, a despesa do cidadão com medicamentos, incluindo genéricos e de marca, em 2018, foi de 72,60€ per capita.

Os medicamentos genéricos constituem uma alternativa com a mesma eficácia e segurança mais barata ao medicamento de referência, contribuindo, simultaneamente, para o controlo da despesa do Estado e maior acessibilidade ao medicamento, assegurando, assim, melhores cuidados de saúde à população.

Fonte: Infarmed

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS